Prefeitura espera arrecadar R$ 31 milhões com o PPI

Dívidas com a Prefeitura, como o IPTU e o ISS, poderão ser parceladas no Poupatempo e no Ganha Tempo

Com início previsto para o dia 22 de maio, a Prefeitura de Rio Preto pretende arrecadar cerca de R$ 31 milhões com o Programa de Pagamento Incentivado (PPI). A medida vale para todos que tenham dívidas vencidas ou parceladas até o dia 15 de março deste ano.
Entre as dívidas que podem ser pagas estão o IPTU e o ISS, inclusive aquelas inscritas ou não em dívidas ativa, ajuizadas ou não, parceladas ou reparceladas, conforme explica o secretário da Fazenda, Ângelo Bevilacqua.

“Podem ser parceladas todas as dívidas tributárias e não tributárias, com algumas exceções. O imposto sobre serviços (ISS) retido na fonte, valores decorrentes de multa de trânsito, água e esgoto, quem faz parte do simples nacional e dívidas de servidores junto a administração pública e multas contratuais não podem ser parceladas”, disse Bevilacqua.

Quem aderir ao programa pode ter 100% de desconto dos juros e multa de mora para pagamento à vista, além de 30% para antecipação à vista das parcelas a vencer de um parcelamento que está em dia. O total da dívida ativa do município hoje, segundo o secretário, é de cerca de R$ 1,3 bilhão. A expectativa é de arrecadar R$ 31 milhões até o final do programa.

“O PPI segue até o dia 28 de junho e, os interessados podem procurar a praça laranja do Poupatempo ou do Ganha Tempo Cidadão para a negociação, munidos de documentos pessoais”, orientou o secretário.

No ano de 2018 a Prefeitura arrecadou com o programa cerca de R$ 32 milhões, durante a vigência do PPI.

Informações pelo site www.riopreto.sp.gov.br ou no Poupatempo (Rua Antônio de Godoy, 3033) ou ao Ganha Tempo no Shopping Cidade Norte (Avenida Alfredo Antonio de Oliveira, 2077).

Por Jaqueline BARROS

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS