Prefeito de Olímpia marca presença na Grécia para acendimento de tocha das Olímpiadas de 2020 

 

O prefeito da Estância Turística de Olímpia, Fernando Cunha, esteve presente na cerimônia de acendimento da tocha das Olimpíadas de Tóquio de 2020, na manhã desta terça-feira, 12, na Grécia. O momento que marca o início do revezamento da chama e a reta final de preparação para o evento, foi realizado no santuário Olympia. O prefiro foi um dos poucos brasileiros escolhidos para participar da celebração.  

Dhoje Interior

O ritual aconteceu na presença de apenas 100 pessoas do mundo todo, escolhidas pelo Comitê Olímpico Internacional. Eles tiveram a chance de acompanhar de presenciarem o acendimento das chamas pelos raios do sol diante do Templo de Hera. 

O convite inédito para o prefeito da Olímpia brasileira para participar do evento foi feito pelo prefeito anfitrião, Georgios Georgiopoulos, com a intenção de prestigiar os eventos festivos e reunir os representantes de cidades irmanadas para discutir assuntos importantes, como a formação da União Mundial das cidades-irmãs da Antiga Olympia. 

Durante a manhã que antecedeu o evento, na quarta-feira, 11, na sede da prefeitura de Olympia foi realizado o encontro entre os representantes de 12 cidade coirmãs, entre ele estava presente o prefeito Herbert Jacob, do município de Grossostheim, na Alemanha; a administradora municipal, Michel Boss, de Antibes Juan-les Pins, na França; a prefeita Cyril Shelby, de Olympia, capital de Washington, nos EUA; a gerente da cidade Donna Nelson, de Colorado Springs, nos Estados Unidos; e outros. No encontro, as delegações trocaram presentes comemorativos e, durante as colocações, foi apresentado um vídeo dos pontos turísticos de cada uma das cidades participantes. 

Com a geminação as cidades buscam a visão comum de promover os ideais olímpicos de amizade, paz e fraternidade entre as nações, bem como o desenvolvimento das reações culturais, turísticas e esportivas entre as cidades, os cidadãos e as nações da Grécia e do Brasil, estabelecendo um intercâmbio cultural, partilha de conhecimento, ensino e políticas empresariais entre outras atividades. 

Para o chefe de Poder Executivo da Olímpia brasileira, a participação em um evento desse é motivo de honra e orgulho. “Foram muitas tratativas até concretizarmos a irmanação e podermos dar início as atividades que promovam o desenvolvimento de nossa cidade. Agradeço ao prefeito da Olympia antiga e toda sua equipe pela receptividade. Tivemos a oportunidade de representar o Brasil neste momento histórico. Com a formação da União Mundial das Cidades-Irmãs vamos colher bons frutos e trazer as experiências e riquezas dessas cidades para o nosso município”.  

A viagem até a Grécia foi custeada pelo próprio prefeito, que também contou com a participação de sua filha, Naiar Cunha, que atualmente é vereadora na Suécia e DA servidora pública municipal Turismóloga, Cristina Prado.

Por: Luciano RAMOS