Pré-candidato, Rodrigo Garcia fala sobre apoios de Alckmin e Edinho

Rodrigo Garcia prefere esperar até 2018 para confirmar apoios a sua candidatura

Durante a entrega de veículos e equipamentos para entidades assistenciais de Rio Preto, na tarde desta sexta-feira (22), no complexo da Swift, o atual secretário de Habitação do Estado de São Paulo e deputado federal licenciado, Rodrigo Garcia (DEM), que já lançou sua pré-candidatura para governador de São Paulo em 2018, comentou sobre os possíveis apoios do governador do Estado, Geraldo Alckmin (PSDB), e do prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo (PMDB).

“Estou ao lado do governador Alckmin, mas não sou do seu partido. Sou de um partido aliado, que é o Democratas, que hoje tem uma pré-candidatura de governo colocada, que é o meu nome, como também tem a pretensão em Brasília de ter uma candidatura a presidência da república. Isso não dando certo, naturalmente o partido busca no seu campo de alianças políticas e ideológicas, outros candidatos, como o governador Alckmin que é um desses nomes e a gente respeita, tem uma admiração pessoal muito grande como pré-candidato a presidência da república”, disse Garcia sobre Alckmin.

“Já prefeito Edinho tem feito um grande trabalho, tem uma história de serviços prestados a nossa região, é de um partido importante, que é o PMDB, que tem um pré-candidato a governador do estado, que é o Paulo Skaf. Então, hoje, somos aliados aqui pela cidade e temos cada um seu partido e consequentemente nossos compromissos partidários”, finalizou Rodrigo Garcia.

Por Marcelo Schaffauser

SEM COMENTÁRIOS