Polícia registra segundo caso de notas de R$ 100 falsas em venda online

Foto: Divulgação

Em um intervalo de poucas horas, a Polícia Civil rio-pretense registrou um segundo boletim de ocorrência de moeda falsa na cidade.

Nos dois casos, as vítimas são mulheres e anunciaram telefones celulares no site da OLX, recebendo notas de R$ 100 falsificadas como pagamentos. Outro ponto em comum é que o golpe foi aplicado por uma desconhecida.

O mais recente registro policial foi feito por uma arquiteta de 25 anos, moradora na Vila Ipiranga.

Ela negociou a venda do aparelho com uma estelionatária que se apresentou como ‘Gabriela’ ou ‘Gaby’ e marcou como ponto de encontro em frente à Prefeitura rio-pretense, na tarde deste domingo.

A vítima recebeu nove notas de R$ 100 e percebeu, pouco depois, que não eram verdadeiras.

Pessoas que estavam em um ponto de ônibus nas imediações informaram à jovem que a golpista entrou em um carro, modelo VW Parati ou Ford Belina, de cor bordô, que estava parado do outro lado da Avenida Alberto Andaló.

OUTRO CASO

Uma autônoma, de 30 anos, perdeu R$ 1,4 mil ao vender seu celular para uma estelionatária, que foi até sua casa, na tarde do último sábado, buscar o telefone.

A vítima contou à polícia que no local há circuito de monitoramento para ajudar nas investigações.

Daniele JAMMAL

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS