Pintor furta moto do ex-patrão e diz que agiu por vingança

Foto - Cláudio Lahos

Um pintor de paredes, de 23 anos, morador no Eldorado, foi detido por policiais militares em sua casa, na tarde desta quinta-feira, por ter furtado um monitor de computador e a motocicleta do ex-patrão.

À PM, ele alegou que trabalhou por dez anos para a vítima, um jardineiro, de 41 anos, morador no Jockey Club, carregando e descarregando caminhão de lenha.

Dhoje Interior

O suspeito disse que na semana passada o empregador lhe pagou R$ 20 pelo dia de serviço, ao invés dos R$ 80 combinados e que se sentiu explorado, jurando que iria lhe dar um susto.

Aos policiais, o acusado confessou que foi até a chácara do ex-patrão, no último domingo, dia 17, e como o portão fica aberto entrou e pegou a Honda CG 125 e um monitor de computador.

O equipamento de informática, segundo o indiciado, foi dispensado em uma rua do Solo Sagrado.

Já a motocicleta foi apreendida na residência do jovem, que afirmou que não tinha intenção de ficar com ela ou revendê-la, tendo escondido apenas para o ex-patrão “aprender a lição”.

A moto foi devolvida à vítima, o pintor ouvido e liberado. Ele vai responder a processo em liberdade.

Daniele JAMMAL