Perseguição termina com cinco presos por roubo, invasão de casa e donos presos por tráfico

Foto: Divulgação / Whatsapp

Cinco pessoas, com idades entre 21 e 28 anos, foram presas após roubarem um supermercado, na tarde de sexta-feira (18), no distrito de Talhado, em Rio Preto. Outras duas pessoas também foram presas, suspeitas de tráfico de drogas, na casa em que estava um dos ladrões.

De acordo com informações da polícia, os suspeitos abordaram o dono do estabelecimento, um professor de 40 anos, armados com um revólver, calibre 32, que foi apreendida. Depois de pegarem cerca de R$ 700 e o celular da vítima, os criminosos fugiram por um matagal.

O helicóptero Águia foi acionado e iniciou uma perseguição pela região. Dois dos suspeitos foram presos e outros ainda na mata e os outros três, tentaram se esconder em casas de moradores do bairro Luz da Esperança, mas também acabaram presos.

Um dos suspeitos foi localizado dentro do banheiro de um imóvel, tentando esconder a arma sob um armário. Durante busca detalhada pela residência, a polícia encontrou dois pedaços de maconha e equipamentos usados no tráfico de drogas dentro do guarda-roupa do quarto do casal.

Os donos da casa, um metalúrgico de 37 anos e a esposa, uma corretora de imóveis de 26 anos, foram presos por tráfico de drogas. Apesar de negarem o crime, havia um mandado de prisão contra o homem.

Segundo consta no boletim de ocorrência, o casal permaneceu preso porque a polícia não acreditou que o ladrão teria levado a droga, uma balança e embalagens para praticar o roubo. Além de ser improvável que o homem tivesse pulando o muro e escondido a droga antes da chegada dos militares.

As sete pessoas permaneceram presas, à disposição da Justiça. Os cinco suspeitos vão responder pelo crime de roubo e o casal, por tráfico de drogas.

Por Bia MENEGILDO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS