Período de greve dos caminhoneiros registra queda no número de crimes

Policia Militar fez escoltas para os caminhões de combustíveis durante toda à última segunda-feira

Apesar de todas as dificuldades enfrentadas por vários setores, que sofrem com a greve dos caminhoneiros, que chega, nesta terça-feira (29), ao nono dia, ao menos uma notícia positiva pode ser comemorada. Segundo o Coronel da Polícia Militar, Rogério Xavier, o número de crimes diminuiu na região de Rio Preto durante o período das manifestações.

“A gente tem visto até uma pequena diminuição de crimes na região de Rio Preto, por conta também de ter diminuído a quantidade de pessoas na rua. Então, estamos medindo isso e verificamos a quantidade pequena dessa diminuição, o que era uma preocupação que nós tínhamos como se comportaria a segurança pública nessa situação”, disse Xavier.

Ainda de acordo com o Coronel, além da diminuição de crimes, a Polícia Militar vem auxiliando na escolta de combustíveis e alimentos para a população de Rio Preto e região. “A Polícia Militar está fazendo, efetivamente, a escolta para o transporte de alimentos e fará amanhã (terça-feira) uma escolta de uma carga de produtos químicos que serão usados para tratamento da água”, afirmou Rogério Xavier.

Durante toda a última segunda-feira, segundo dados da Polícia Militar, foram feitas 20 escoltas para postos diversos da cidade, buscando a diminuir o desabastecimento. O Coronel acredita que a próxima dificuldade e o que deve ser solicitado será a escolta para gás de cozinha.

“Já estamos antevendo uma dificuldade que possa ter em relação a gás de cozinha. Mas já colocamos a Polícia Militar a disposição, caso a prefeitura, ou outra instituição consiga o fornecimento, pode contar conosco, já que é uma preocupação dos hospitais da região. E havendo essa necessidade e a liberação, nós colocamos a Polícia Militar para assegurar a chegada desse material”, finalizou.

Por Marcelo Schaffauser

SEM COMENTÁRIOS