PANDEMIA: Festa do Milho de Jaci é suspensa por conta do avanço do coronavírus

Momento das edições anteriores da festa (Foto: Divulgação)

A tradicional Festa do Milho de Jaci que aconteceria nos dias 29 de março e 5 de abril foi suspensa em decorrência do coronavírus, seguindo assim orientação feita pelo Ministério da Saúde e pelo próprio Governo do Estado de São Paulo.
Segundo Renan Gonçalves da Costa, do setor de Comunicação da Associação Lar São Francisco de Assis na Providência de Deus, entidade organizadora da festa, nos dois dias aproximadamente 100 mil pessoas prestigiam o evento.
O público é oriundo não somente da região, mas de outros Estados, como Mato Grosso e Minas Gerais. E como é um evento gastronômico e feito para famílias, demonstrações de afeto são comuns (abraços e apertos de mão), atitudes que podem ajudar na proliferação da doença.
A festa será reagendada para uma próxima data ainda a ser definida, podendo ser daqui a 40 dias ou mais dependendo do que acontecer em relação as restrições para conter a proliferação do vírus.
A entidade que tem 150 toneladas de milho plantadas para este evento já está conversando com parceiros para que a colheita não seja perdida e, posteriormente, estes mesmo poderão ajudar no momento em que a festa acontecer.
A arrecadação deste evento ajuda a manter cerca de 70 serviços prestados pela entidade, além do Barco Hospital que atende a região amazônica e os trabalhos realizados no Haiti.

Por- Sérgio SAMPAIO

Dhoje Interior