Palmeiras recebe Corinthians em decisão do Paulistão

(Foto: Cesar Greco)

O Campeonato Paulista conhecerá o campeão da edição de 2020 neste sábado (8). Depois de empatar em zero a zero no jogo de ida, o Palmeiras recebe o Corinthians na Allianz Arena, a partir das 16h30. Em caso de novo empate, a decisão será nos pênaltis.

No último treino antes da final, o técnico Vanderlei Luxemburgo fechou o treino e não houve divulgações das atividades realizadas. A principal dúvida do treinador é com relação a Felipe Melo. O volante, que vem atuando como zagueiro nesta temporada, ficou fora do primeiro jogo devido a uma lesão na coxa esquerda e tem feito tratamento para jogar segunda partida. Se não estiver apto para entrar em campo, Luan seguirá como titular.

Dhoje Interior

Já pelo lado do Corinthians, a tendência é que Tiago Nunes escale a mesma equipe do jogo de ida. A única dúvida seria com relação a Cantillo, que voltou a entrar em campo na última quarta-feira (5). No entanto, o volante terá que disputar posição com Éderson, que vive bom momento. Já Boselli segue se recuperando de uma cirurgia no rosto.

Organizadas pedem respeito ao isolamento

Antes de pandemia, era comum torcedores irem para avenida Alberto Andaló em Rio Preto para comemorar a conquista de um título. No entanto, para este ano, tanto a Gaviões da Fiel quanto a Mancha Verde pediram para que os torcedores fiquem em casa após a decisão.

“Respeitando o isolamento social no enfrentamento ao Covid-19, a subsede não irá se reunir para acompanhar a partida. Orientamos nossos associados a assistirem o jogo de suas casas, e no caso de título não descerem para a Andaló, evitando grandes aglomerações e tumultos”, afirmou Rafael Ricardo da Silva Pereira, um dos representantes da Macha Verde em Rio Preto.

“A mensagem que podemos passar é para os torcedores ficarem em casa. Também estamos com esse misto de sentimentos, entre a euforia de uma possível nova conquista, com a mistura da precaução em seguir todas as regras imposta para controle dessa pandemia. A vida e o bem estar de cada torcedor e de cada brasileiro é com certeza mais importante, do que a comemoração de um campeonato e devemos priorizar isso”, comentou Mateus Kevin Gonçalves da Silva, integrante da Gaviões da Fiel.

A Guarda Civil Municipal (GCM) informou que acredita que esse tipo de aglomeração não ocorra devido ao fechamento dos bares, mas que as viaturas deste setor ficarão atentas.

Por Vinicius LIMA – redação Jornal DHoje Interior