Mulher é vítima de racismo em Rio Preto

Após pedir para diminuir o volume de som, mulher é vítima de racismo em Rio Preto. O caso aconteceu no início da madrugada da última quinta-feira (2), no bairro Santo Antônio I.

A princípio a polícia foi acionada para uma perturbação do sossego, mas ao chegar ao local foi informado pela própria filha da autora, que a mãe havia preferido xingamentos contra a vítima, J.A. de 26 anos. A autora da injúria, L.A.O. de 49 anos xingou a vítima de ‘macaca, negra’ e que ‘ela era branca de olhos claros e que todos tinham nojo da vítima, pois sua barriga era horrível’.

A vítima retornou ao local dos fatos com os policiais e afirmou que a agressão verbal começou depois que a vítima pediu para a autora diminuir o volume do som, pois estava prejudicando a recuperação do pai, que está doente.

A vítima foi informada sobre o prazo de seis meses para representar judicialmente contra a autora.

Por Priscila CARVALHO

SEM COMENTÁRIOS