Mulher chora ao ver PM e é presa por tráfico de drogas

Uma mulher, de 18 anos, foi presa por tráfico de drogas, na madrugada de sábado (11), no Jardim Jéssica, em Rio Preto. Ao ver a polícia, ela começou a chorar e disse que tinha drogas.

De acordo com o boletim de ocorrência, uma viatura patrulhava o bairro quando recebeu uma denúncia anônima de uma casa com grande movimentação de pessoas. Os militares foram até o local e chamaram pela proprietária do imóvel.

Ao ver os policiais, a mulher começou a chorar. Questionada, ela confessou que tinha drogas dentro da residência e levou os policiais até o quarto da casa.

A droga e uma balança de precisão foram encontradas dentro de uma cômoda. Ao todo, foram contabilizados 178 pedras de crack.

A mulher disse que guardava o entorpecente para uma pessoa, mas não quis falar o nome por medo de represália. Ao chegar ao Plantão Policial, ela confessou que era dona da droga e que pretendia vender.

Ela permaneceu presa, à disposição da Justiça.

Droga na genitália

Uma moradora de rua, de 28 anos, foi presa com 34 pedras de crack no centro de Rio Preto, na tarde de sexta-feira (10).

De acordo com o boletim de ocorrência, homens da Guarda Civil Municipal faziam patrulhamento pela região central e avistaram uma aglomeração de pessoas. Eles fizeram a abordagem e encontraram seis pedras de crack escondidas na boca da mulher.

Ela foi detida e levada até a base da GCM para ser revistada por uma mulher. Na revista íntima, foram encontradas mais 28 pedras de crack escondidas na vagina da acusada.

A mulher alegou que encontrou a droga e que é usuária. Ela já tem passagem por tráfico de entorpecentes.

A moradora de rua permaneceu presa, à disposição da Justiça.

Por Bia MENEGILDO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS