Motociclistas rendem vendedor em valeta e fogem com Hilux e R$ 58 mil

A polícia de Rio Preto tenta identificar os criminosos que roubaram R$ 58 mil entre dinheiro e cheques de um vendedor, de 39 anos, morador no Jardim Felicidade e que trabalha em uma empresa especializada em açougues e frigoríficos.

O assalto aconteceu às 19 horas desta quinta-feira, na avenida Ada Marzochi Polachini, quando a vítima retornava do atendimento a um cliente, em uma casa de carnes premium no Dom Lafayete.

Dhoje Interior

Conforme o registro policial, o motorista seguia em baixa velocidade com sua Toyota Hilux, ano 2016, de cor preta, pela via e ao passar em uma valeta foi abordado pelos marginais, que estavam em uma Honda Falcon preta, com faixas pratas.

O passageiro estava armado com uma pistola, desceu da moto e assumiu a direção da caminhonete.

O bandido percorreu a distância de um quarteirão e ordenou que a vítima desembarcasse, seguindo em direção ao Jardim Maria Lúcia. O comparsa fugiu para o Jardim Santo Antônio.

Além do valor roubado e da Hilux, foram levados uma bicicleta infantil que seria entregue de presente para a filha do vendedor, um Samsung S9 e documentos pessoais.

Enquanto o boletim de ocorrência estava sendo registrado no Plantão, um cunhado da vítima ligou informando que o rastreador do celular que ficou na caminhonete indicou que o veículo estava no Jardim Marajó.

De acordo com o vendedor, os assaltantes usavam capacetes e o piloto parecia ser branco, jovem, alto e ter uma tatuagem no braço esquerdo.

Já o garupa era baixo, aparentava ter mais de 40 anos e usava calça jeans e camiseta bege com botões.

Daniele JAMMAL