Mortos achados em caminhão no Reino Unido são de nacionalidade chinesa

A polícia britânica confirmou esta quinta-feira (24) que as 39 pessoas mortas encontradas em Essex, no sudeste do país, no interior de um caminhão, eram de nacionalidade chinesa. São 31 homens e oito mulheres.

A polícia da Irlanda do Norte desencadeou buscas em residências naquela região e a Agência Nacional de Crime do Reino Unido está procurando “grupos de crime organizado”. Por enquanto, só o condutor do veículo está sob custódia das autoridades.

As investigações ocorrem, simultaneamente, no Reino Unido e na Bélgica. Foi da Bélgica que o caminhão partiu rumo à Irlanda do Norte.

O motorista do veículo foi detido pela polícia de Essex sob suspeita de homicídio. Mo Robinson, com 25 anos, de Portadown, na Irlanda do Norte, continuava esta quinta-feira a ser interrogado pelos investigadores. Durante a noite a polícia do Ulster fez também buscas em pelo menos duas casas.

O caminhão onde foram encontrados os corpos de 39 pessoas partiu de Zeebrugge, na Bélgica, e foi deixado no porto de Purfleet, na Irlanda do Norte. Outro caminhão que rebocou o veículo até Grays partiu da Irlanda do Norte.

Agência BRASIL

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS