Morador de rua esfaqueado foi morto após briga por drogas

A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Rio Preto esclareceu, ontem, o assassinato de A.G.R, de 43 anos. A vítima, que era morador de rua foi encontrado gravemente feridona praça Dom José Marcondes e encaminhado ao Hospital de base, no último dia 17 de junho Segundo a DIG, o homem foi apedrejado e esfaqueado por outros três moradores de rua, A.M.S.J. de 24 anos, M.A.F.S. de 32, e I.C. de 37. A briga começou após a vítima pedir para consumir crack junto com os demais moradores. Diante da negativa dos outros usuários, A.G.R passou a ameaça-los com uma faca.

Dr. Alceu pediu a prisão temporária dos acusados, que já foi concedida nesta data. Todos irão responder por homicídio doloso.

A DIG aguarda os laudos do Instituto Médico Legal e também do Instituto de Criminalística. Após isso, a delegacia tem 30 dias para conclusão do inquérito policial.

 

Da Redação

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS