MEC suspende entrada de novos alunos no curso de medicina da Universidade Brasil

(Foto: Divulgação)

O Ministério da Educação (MEC) suspendeu o ingresso de novos alunos no curso de medicina da Universidade Brasil, envolvida em um esquema de fraudes na concessão do Fies e na venda de vagas para o curso. Outras séries de sanções foram determinadas pelo ministério.

A suspensão de ingressos de novos estudantes é aplicado tanto por meio de vestibular, quanto por outros processos seletivos como, por exemplo, transferência.

A instituição deve cumprir ainda uma medida cautelar de interrupção de transferências internas e externas e aproveitamento de disciplinas de quaisquer cursos superiores, para fins de expedição e registo de diplomas do curso de medicina. Também está suspensa as transferências internas de alunos de cursos da área de saúde.

Ainda de acordo com a decisão, que foi publicada no Diário Oficial da União, a universidade também precisa cumprir a medida cautelar de suspensão de novos contatos do Fies (Financiamento Estudantil) e da participação em processo seletivo para oferta de bolsas do Prouni (Programa Universidade Para Todos). A restrição também atinge a participação da instituição no Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego).

O MEC também determina que a universidade divulgue de forma ‘clara e ostensiva’ em seu site as determinações sancionadas até a conclusão do processo administrativo , que será concluído no prazo máximo de 30 dias.

A Universidade Brasil informou que foi instituída uma nova reitoria há uma semana e que todos os processos institucionais e a situação atual da instituição estão sendo analisadas.

Vinicius LOPES

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS