Maior concurso de bandas universitárias do Brasil entra na reta final de inscrições

Banda mineira Lagum, vice-campeã do Red Bull Music Breaktime Session em 2015 (Felipe Gabriel/Red Bull Content Pool).

Maior concurso universitário de música do país, o Red Bull Music Breaktime Sessions prorroga suas inscrições até quarta-feira, dia 23/10. Estudantes de curso superior de qualquer faculdade do país podem se inscrever para realizar aquele desejo de virar um artista profissional, fazer uma imersão com profissionais do ramo e gravar um disco num estúdio profissional por meio do site http://breaktimesessions.redbull.com.br. As cinco melhores bandas participarão de uma imersão musical com profissionais do mercado, e a grande vencedora, escolhida pelo público, gravará um álbum no Red Bull Music Studios, no centro de São Paulo.

Os grupos finalistas serão escolhidos por uma curadoria interna da Red Bull e, depois disso, eles participam da votação popular, pelo site. O anúncio da campeã (banda mais votada) será feito em novembro, após uma imersão musical realizada com os finalistas no Red Bull Station, no centro de São Paulo. O encontro terá atividades e palestras orientadas por profissionais e especialistas do mercado, para que as bandas saibam como é a trajetória de um grupo profissional. A mais votada ainda gravará um disco no Red Bull Music Studios, em São Paulo, em dezembro.
Para participar, deve-se preencher o formulário online e subir um vídeo de uma performance que será analisada pelo time de curadores. Em 2018, mais de 300 bandas de 60 universidades do país se inscreveram na competição e realizaram shows em seus câmpus e em casas noturnas. A vencedora foi a Enversos, de Belo Horizonte, composta por alunos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que gravou o álbum “Da Margem ao Centro”. A trajetória do grupo durante o Red Bull Music Breaktime Sessions pode ser conferida neste link.
“Ganhar o Red Bull Music Breaktime Sessions foi um divisor de águas em nossa carreira, pois foi o nosso primeiro concurso de âmbito nacional. Além do retorno e do disco, conseguimos levar nosso trabalho a locais nunca antes imaginados, um sonho realizado após mais de três anos tocando de forma independente”, diz Gustavo Henrique, da Enversos.
Outro grupo, também de Minas Gerais, que participou do concurso foi o Lagum. Eles estiveram na disputa em 2015 e ficaram em 2o lugar. “O Red Bull Music Breaktime Sessions fez com que nossa música chegasse bem longe e nós formássemos uma boa base de fãs. Foi um importante passo que alavancou nossa carreira”, diz o vocalista Pedro Calais. Em junho, eles passaram pelo Red Bull Music Studios, em São Paulo, para fazer um livestreaming do disco novo, chamado “Coisas da Geração”.
SOBRE O RED BULL MUSIC BREAKTIME SESSIONS
Red Bull Music Breaktime Sessions é um concurso que descobre talentos musicais dentro das universidades de todo o país. Em 2019, chega à oitava edição, num projeto dividido em três fases principais: inscrições das bandas interessadas, imersão musical das cinco melhores no Red Bull Station e votação aberta para eleger a campeã. Ao final, o grupo vencedor grava um disco no Red Bull Music Studios, em São Paulo.
SOBRE O RED BULL MUSIC STUDIOS
Desde 2013, o Red Bull Music Studios São Paulo funciona como um espaço de experimentação e produção musical para artistas dentro do Red Bull Station, onde funcionou a antiga subestação de energia Riachuelo. Com altíssimo padrão técnico, o estúdio é reservado para talentos de estilos diversos, independente de sua abrangência ou tempo de carreira. Por ali, já passaram nomes como Elza Soares, Metá Metá, Nação Zumbi, Emicida e Arto Lindsay.
Quer mais conteúdo editorial da Red Bull?
O Red Bull Content Pool (www.redbullcontentpool.com) é uma grande plataforma que oferece download gratuito de fotos e vídeos em alta definição de diversos eventos relacionados à Red Bull ao redor do mundo. Basta se cadastrar (menos de dois minutos, aprovação automática para veículos de comunicação) e aproveitar o material.
Da REDAÇÃO
COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS