Lenda nos rodeios, ‘Tio Patinhas’ está na UTI do Hospital de Base

Foto: Nilomar Cunha

Bicampeão em Barretos, Valter Teixeira Vilera, 60, fez história nas arenas de rodeios de todo o país. Há uma semana, ele luta pela vida na UTI do Hospital de Base de Rio Preto, onde deu entrada com uma grave hepatite.

Durante sua vitoriosa carreira ganhou mais de 20 torneios, colecionou troféus e acumulou dezenas de prêmios. É tido como um dos melhores montadores de cavalo no Brasil, na modalidade cutiana.

Conhecido como Bill ou ‘Tio Patinhas’, o peão, nascido em Dracena, sempre foi um apaixonado pelas montarias. Aprendeu a montar ainda pequeno, viajando com seu pai no Circo Rodeio Madri.

O primeiro prêmio foi um arreio completo, ganho em Junqueirópolis, em 1974. Na ocasião, montou um cavalo chucro da tropa Marques Estrela e ficou em 5º lugar.

Depois dessa estreia, na mesma cidade e ano, faturou o primeiro lugar, recebendo como premiação um Fusca zero quilômetro. Adolescente ainda fugiu de casa para seguir com a tropa.

Em 1977, veio a consagração em Barretos, pondo fim ao reinado de Pedro Gomes Aragão (campeão em 1975 e 1976).

As vitórias lhe renderam 31 carros, 28 motos e muito dinheiro. Mas o grande peão, pai de três filhos, não ficou ileso aos perigos da profissão. Tombos, fraturas e 29 dias em coma também fizeram parte da trajetória.

Amigos e fãs do rodeio torcem pela recuperação do ícone, cuja humildade rivalizou com o talento indiscutível para brilhar nas arenas.

Daniele JAMMAL

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS