Ladrões furtam sistema de rede elétrica da UPA Santo Antônio e obras podem sofrer atraso

A UPA do bairro Santo Antônio passa por reformas e ampliações, prazo inicial para entrega da obra é de 240 dias

A Unidade de Pronto Atendimento do Santo Antônio, que passa por reformas, teve toda a estrutura elétrica furtada no último final de semana. A prefeitura tornou a ocorrência pública somente na tarde desta quinta-feira (15).

De acordo com uma nota enviada à imprensa, ladrões quebraram as instalações e furtaram todo o sistema que seria utilizado para a instalação dos equipamentos de ar-condicionado. Com isso, de acordo com o médico Gustavo Marcatto, chefe do Departamento de Urgência e Emergência da Secretaria de Saúde, o furto fará com que atrasos aconteçam na entrega da ampliação da unidade.

A reforma e ampliação da UPA Santo Antônio foi orçada em R$ 1.572.995, 69 sendo que, desse valor, R$ 1.250.000 são oriundos de emenda parlamentar. O restante – R$ 322.995,69 – é a contrapartida municipal para que a JA Tineili Marques e Cia Ltda. realize as obras.

A princípio, o prazo dado para a entrega das obras na UPA Santo Antônio era de 240, mas esse prazo pode ser prorrogado, segundo a nota que a prefeitura enviou.

De acordo com Marcatto, a prefeitura contrata a obra fechada, ou seja, não interfere em nada, somente fiscaliza as obras.

“Eles têm esse prazo e, trabalhar finais de semana ou não, é uma prerrogativa da empresa. Neste final de semana, no entanto, não houve mão de obra e, quando da retomada na segunda-feira, foi percebido que a fiação estava toda destruída e que falta uma parte dela”, informou.

Ainda de acordo com o chefe do Departamento de Urgência e Emergência, esse furto não vai gerar nenhum gasto extra para os cofres públicos. O valor do prejuízo, segundo Marcatto, ainda não foi contabilizado, mas o material será comprado novamente para repor o que foi furtado.

A UPA Santo Antônio, segundo a prefeitura, tem capacidade média de atendimento de 6.300 pacientes por mês e, com a reforma e a ampliação há a expectativa de melhoria no atendimento e conforto dos pacientes.

Por Ygor ANDRADE

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS