Karina comemora Patrulha Maria da Penha e aguarda aval de Edinho

Karina também diz que Senado estuda nacionalizar o patrulhamento

A vereadora Karina Carolina (Republicanos) conseguiu a aprovação da instalação da Patrulha Maria da Penha em São José do Rio Preto. O projeto de Lei da parlamentar passou pelo crivo dos colegas de Câmara nesta terça-feira (22), no mérito do pedido e agora aguarda a sanção do prefeito Edinho Araújo (MDB).

O DHoje foi conversar com a vereadora para questionar a respeito da implementação do patrulhamento na cidade. “É um projeto em construção. Ainda precisamos adquirir as viaturas e designar os responsáveis pelo patrulhamento. A GCM será responsável em parceria com a Secretaria dos Direitos para Mulheres, Pessoa com Deficiência, Raça e Etnia”, ressaltou a vereadora.

Segundo ela, existem muitas conversas com Edinho para alinhar e regulamentar a Patrulha. A vereadora ainda comemorou que existe no Senado, a intenção de nacionalizar a Patrulha Maria da Penha.

“Atualmente são oito grandes cidades que estão implantando o patrulhamento que vai nos ajudar a manter as mulheres que sofreram agressões e que têm medidas protetivas a se sentirem ainda mais seguras. É importante saber que, em caso de descumprimento de alguma dessas medidas, o agressor será preso em flagrante, garantindo o direito à segurança”, disse.

Karina Carolina enfatizou ainda que o processo para a implementação efetiva do patrulhamento é um processo que passa por uma fase de construção e lapidação. “Logo poderemos dar mais segurança e, porque não dizer, tranquilidade às mulheres que ainda não denunciaram os agressores”, salientou. A vereadora ainda destaca que tem o apoio do vereador Renato Pupo (PSD) que está engajado na busca por recursos para a compra de novas viaturas que devem ser destinadas ao efetivo da Patrulha Maria da Penha.

Entramos em contato com as Secretarias citadas pela vereadora para obter mais informações a respeito da Patrulha Maria da Penha, mas até o fechamento desta edição, apenas o Trânsito (responsável pela GCM), respondeu e informou que vai analisar a proposta da vereadora para tentar colaborar com a Patrulha Maria da Penha.

Por Ygor Andrade