Justiça do Trabalho de Rio Preto faz primeira audiência virtual

Aconteceu na tarde desta quarta-feira, dia 1º, a primeira audiência virtual por videoconferência na cidade de Rio Preto promovida pela Justiça do Trabalho que está sendo disponibilizada pelo TRT-15 (Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região de Campinas).
Para que isso fosse possível a justiça disponibilizou as partes uma ferramenta onde todas as partes puderam participar remotamente.

O caso específico era de um trabalhador que tinha a estabilidade de emprego por ser Cipeiro, reajuste salarial e outras verbas.

Dhoje Interior

A audiência virtual foi presidida pela juíza do trabalho, Daniela Renata Rezende Ferreira Borges, e secretariada pelo servidor público Edmar Laurencio Carareto, além dos advogados da empresa envolvida e do trabalhador.

Segundo Danilo da Silva Paranhos, advogado que representou o trabalhador na ação, como o TRT-SP (Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo) suspendeu prazos processuais e audiências pelo menos até dia 30 de abril por conta da pandemia do coronavírus (Covid-19), a realização deste modelo de audiência virtual atende de imediato o trabalhador que necessita.

“Se isso não acontecesse teríamos que esperar voltar à normalidade para somente depois dar andamento nas ações”, explica.

Ao todo, seis pessoas participaram desta audiência sendo dois representantes da justiça trabalhista, mais o advogado da empresa e o representante da empresa, o advogado do trabalhador e o próprio trabalhador, casa um deles estava em locais diferentes.

Somente casos de urgência ou de ‘fácil solução’ devem ser agendados para ser realizados pelas audiências virtuais da Justiça do Trabalho paulista, inicialmente.

“A audiência virtual é importante pela celeridade processual em plena pandemia que estamos vivendo. O trabalhador atendido poderá ficar mais tranquilo com a ação solucionada”, salientou Paranhos.

A orientação passada para advogados, empresas e trabalhadores que buscam o caminho da conciliação a procurarem o CEJUSC-JT de Rio Preto através do e-mail [email protected] para realização de audiências virtuais por videoconferência neste momento atípico que vive o País.

Por Sergio SAMPAIO