Indicador PIB+30 vai monitorar economia de SP em tempo real

O Governador João Doria (PSDB) anunciou nesta segunda-feira (10) o lançamento do indicador PIB+30 para monitorar as tendências da economia paulista no contexto da pandemia do coronavírus. Desenvolvida pela Fundação Seade (Sistema Estadual de Análise de Dados), a ferramenta agiliza o acompanhamento de estatísticas do Produto Interno Bruto do estado de São Paulo e rastrear tendências da atividade econômica com mais rapidez e eficiência.

O novo indicador representa cerca de 97% do PIB estadual e será apresentado na forma de índices e taxas ajustadas sazonalmente. De acordo com o planejamento do Governo do Estado, o PIB+30 será publicado em conjunto com a estimativa oficial do PIB do mês anterior.

Dhoje Interior

Segundo a linha de trabalho da Fundação Seade, o PIB+30 vai contemplar o cálculo do PIB do Estado e dos PIBs dos Municípios, estes em conjunto com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), além de um sistema de estatísticas conjunturais composto pelo PIB trimestral (Estado de SP e Regiões) e PIB mensal (Estado de SP).

O objetivo do Governo de São Paulo é revisar as melhores práticas internacionais e dar início ao uso de uma família de indicadores baseada nas chamadas “flash estimates”, que são estimativas instantâneas ou em tempo real. Para o Secretário da Fazenda e Planejamento de São Paulo, Henrique Meirelles, o PIB+30 será decisivo para delinear a retomada econômica em todo o estado a partir de 2021. “A ideia é exatamente diminuir o período entre a base de ocorrência de crescimento ou queda do PIB e a data de publicação, diminuindo a defasagem em cerca de um mês. Isso nos permite acompanhar com maior precisão essa evolução e identificar rapidamente mudanças de atividade econômica no estado”, finalizou Meirelles.

Da Redação Jornal DHoje Interior