Implantação da tecnologia 5G fará o país avançar, diz novo conselheiro da Anatel

O novo conselheiro da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Vicente Aquino, tomou posse nesta sexta-feira (28), em cerimônia no Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). “Quero firmar o meu compromisso com todas as questões sensíveis do setor de telecomunicações que envolvem usuário, mercado e qualidade do serviço”, ressaltou. A solenidade contou com a participação do ministro Gilberto Kassab e do presidente da Anatel, Leonardo Euler de Morais.

O mandato de Vicente Aquino como membro do Conselho Diretor da Anatel vai até 4 de novembro de 2020. Segundo ele, a prioridade de sua atuação será a implantação da tecnologia 5G no Brasil. “Essa tecnologia vai fazer o país avançar e é o sonho do mundo moderno. O processo licitatório está em fase inicial, e a expectativa é de que se efetive nesses próximos dois anos.”

A Anatel quer destinar, inicialmente, a frequência de 3,5 GHz para a oferta da tecnologia 5G.

Durante a cerimônia, o presidente da Anatel, Leonardo Euler de Morais, destacou a importância do trabalho alinhado entre Anatel e MCTIC para as telecomunicações brasileiras. Para ele, o novo conselheiro trará uma grande contribuição para a instituição. “A experiência de outros setores ajuda a oxigenar a agência. Para um colegiado, as formações diferentes e os debates de ideias enriquecem as deliberações.”

O conselheiro Vicente Aquino é cearense, graduado em Direito pela Universidade Federal da Paraíba e mestre em Direito Constitucional. Antes da indicação para o Conselho da Anatel, ocupava o cargo de assessor especial da Presidência do Banco do Nordeste do Brasil e de conselheiro da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no Ceará.

Da REDAÇÃO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS