Idosa de 97 anos tem oito costelas quebradas em resgate

Está sendo investigado pela Polícia Civil de Rio Preto o incidente envolvendo S.E.B., 97 anos, internada em uma clínica de repouso na Vila Redentora. Ela teve oito costelas quebradas durante um procedimento de desengasgo, conhecido como manobra de Heimlich, feito pelo enfermeiro do estabelecimento, A.C.N.J.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, o fato aconteceu em maio, mas a paciente, que é acamada e reside na clínica há três anos, apresentou sinais apenas na última terça-feira, quando foi encaminhada para um hospital particular da cidade, sendo atendida e liberada.

A família da idosa foi comunicada do caso, registrado pelo advogado da clínica na Central de Flagrantes rio-pretense.

Daniele JAMMAL

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS