Homem vai para a ‘zona’, mente para esposa e vigilante quase vai preso por falso furto

Depois de se divertir com prostitutas no Jardim Paraíso, um homem de 29 anos, morador no bairro Etemp, emprestou o carro para o companheiro de farra, um vigilante de 24, residente no Jardim Colorado, que quase acabou preso pela PM, por furto do automóvel, na madrugada desta segunda-feira.

Para não se complicar com a esposa, o jovem alegou que teve o veículo, um Ford Fusion, ano 2010, levado por um rapaz que conhecia de vista.

À mulher, ele alegou que estava na loja de conveniência de um posto de combustíveis quando o conhecido teria pego as chaves do carro sem a sua autorização.

Ao ouvir a história contada pelo marido, ela foi até a Central de Flagrantes e deu queixa. Durante patrulhamento de rotina na Zona do Meretrício, uma viatura da PM viu o Fusion, com o segurança e três garotas de programa dentro e fez a abordagem.

As mulheres alegaram que estavam de carona e nada sabiam sobre o veículo e o vigia revelou que a suposta vítima tinha na verdade emprestado o carro e que ao tentar devolvê-lo não conseguiu encontrar o amigo.

A confusão só se desfez na delegacia. Por ter sido enganada, a esposa do jovem não vai responder por falsa comunicação de crime. O Fusion foi devolvido ao ‘contador de história’.

Daniele JAMMAL

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS