Homem chega bêbado e tentar matar companheira a tiros

Um gerente, de 60 anos, tentou matar a companheira a tiros, após chegar alcoolizado. O caso ocorreu na noite desta quinta-feira (7), no bairro Higienópolis.

Segundo o boletim de ocorrência, a polícia foi acionada após vizinhos escutarem gritos e barulhos de tiro. No local, o homem estava na sacada e a mulher escondida na garagem, dentro do carro.

Dhoje Interior

Ao ser questionada a vítima, que é assistente social, alegou que o companheiro chegou à residência, alcoolizado, descontrolado e que após uma discussão, pegou uma arma de fogo dizendo que ia matar a mulher e em seguida se matar.

Neste momento, a vítima e o homem entraram em luta corporal, quando o agressor disparou duas vezes na direção da mulher, acertando apenas a parede. A assistente social conseguiu tirar a arma do gerente e fugir. Ela se escondeu dentro do carro.

O homem confessou o crime e disse que havia mais armas de fogo na residência, mas todas registradas pela Polícia Federal.  Ao serem localizadas, algumas armas estavam com as validades expiradas.

Diante dos fatos, o homem foi encaminhado até a Central de Flagrantes onde foi ratificada à voz de prisão em flagrante. Por se tratar de um crime inafiançável, o gerente foi transferido estabelecimento prisional, onde permanece à disposição da justiça.

No total, foram apreendidas 30 munições de pistola, 12 de carabina e oito de revolver. Além de duas carabinas, calibre 22 e outra 32 e uma pistola calibre 22. (Colaborou: Leo BIGOTTO CARON)

Da Reportagem