Hemocentro recebe quase 200 doadores de sangue para os guardas feridos em assalto

O Hemocentro de Rio Preto recebeu quase 200 doadores de sangue neste fim de semana após o assalto a uma loja no Calçadão, no sábado. Após o assalto, dois guardas municipais ficaram feridos e um jovem de 17 anos morreu atingido por uma bala perdida.
A campanha de doação de sangue mobilizou as redes sociais para suprir o estoque do Hospital de Base, uma vez que os Guardas feridos perderam muito sangue durante as cirurgias a que foram submetidos.
“O número de doadores foi surpreendente. Em nome da Guarda, agradecemos pela solidariedade e informamos que quem quiser ainda pode fazer a doação”, afirmou o diretor da Guarda Municipal, Silvio Pedro da Silva.
Os guardas feridos, Cleyton José da Silva Gomes e Tássia Tomoda Dourado, seguem internados e o estado de saúde deles é estável.Na noite de domingo o prefeito Edinho Araújo, acompanhado do diretor da Guarda, visitou os dois guardas que estão internados na Santa Casa e no HB.  Na manhã desta segunda-feira, o prefeito Edinho, o vice Eleuses e governador do Estado Geraldo Alckmin visitaram a Guarda Tássia Tomoda na UTI do HB.
Om prefeito Edinho está em contato permanente com os comandos da Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal e com os familiares das vítimas para as providências que se fizerem necessárias para o esclarecimento do caso e medidas de apoio.
As pessoas que quiserem e puderem fazer a doação de sangue devem procurar o Hemocentro de Rio Preto, que fica na avenida Jamil Feres Kfouri, 80 – Jardim Panorama, de segunda a domingo, das 7 às 13 horas.
Da Redação
Fonte: Prefeitura Municipal de São José do Rio Preto
COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS