Grávida leva tapa no rosto após demitir funcionária de loja

A gerente de uma loja de informática, na avenida Danillo Galeazzi, na Região Norte de Rio Preto, procurou a polícia na tarde desta quarta-feira para denunciar ter sido agredida por uma funcionária.

Segundo ela, que tem 27 anos, todos na empresa sabem que está grávida e a acusada puxou seus cabelos e desferiu um tapa em seu rosto após ser dispensada sem justa causa.

Dhoje Interior

O caso foi registrado como vias de fato e será investigado pela DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) local.

Daniele JAMMAL