Grafite transforma caixa d’água em painel de arte

O azul e branco tradicionais das caixas d’água deu lugar, na Vila Diniz, a uma combinação de cores e se tornou painel de arte: os grafiteiros do programa Hip Hop Underground – Além das Ruas entregam nesse domingo (dia 22/10) a pintura feita no reservatório, um projeto vencedor do Prêmio Nelson Seixas 2017, concedido pela prefeitura de Rio Preto por meio da Secretaria de Cultura.
 
O projeto nasceu da união de dois trabalhos do universo hip hop: o Hip Hop Underground e o Além das Ruas, ambos com a propostas de levar os quatro elementos da cultura hip hop — rap, break, DJ e o grafite — para novos ambientes.
 
“O Além das Ruas tem o objetivo de extrair o hip hop do gueto da periferia e levar a locais que geralmente não dialogam com essa cultura”, afirma Emerson Bad, professor, b-boy e um dos coordenadores das ações. Por isso, a semana começou com ações em locais como o shopping Iguatemi e a praça Generosa Bastos, no bairro Vivendas, e ainda realiza outras apresentações durante a semana.
 
Já a transformação da caixa d’água da praça Monteiro Lobato, na Vila Diniz, foi uma ideia do grafiteiro e b-boy Pecks. “A gente passava aqui por essa praça e via que ela estava meio sem vida. Então minha ideia sempre foi uma intervenção na caixa d’água, fazer uma arte para a população, para a comunidade ver que é diferente, não tem nada a ver com vandalismo”, diz.
 
O grafiteiro, um dos pioneiros da arte em Rio Preto, destaca também a importância do prêmio Nelson Seixas: “Além do reconhecimento, tem a ajuda financeira que é importante. O grafite é uma arte cara, os materiais são caros.”
 
A entrega do grafite, feita por Pecks e sua equipe na caixa d’água da Vila Diniz, será realizada com a última apresentação do programa, às 14h deste domingo (22/10), na praça Monteiro Lobato. Fazem parte da ação, além do b-boy Bad, a b-girl Lua Dadalte, o DJ Daniel Basim e o MC Pedro Improvisador.
Da Redação
COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS