Golpista usa nome de promotor e lesa duas lotéricas em R$ 29,5 mil

Um estelionatário que se passou pelo promotor criminal de Rio Preto, Marcos Antonio Lelis Moreira, aplicou um golpe de R$ 29,5 mil em duas lotéricas da cidade. Acreditando que estavam realizando pagamentos para o representante do Ministério Público, as atendentes aceitaram cheques para pagar vários boletos.

Segundo boletim de ocorrência, o Tribunal de Justiça de São Paulo consta como emissor dos cheques e atrás das folhas foi batido carimbo com o nome do promotor e um telefone celular.

Dois mototaxistas foram contratados por telefone pelo golpista. Para fazerem as corridas cada um recebeu R$ 20.

As contas a serem pagas foram entregues por um suposto funcionário do ‘doutor Lelis’ em um trailer de lanche nas proximidades do edifício da promotoria.

A dona de uma das lotéricas desconfiou da história e foi até o Fòrum falar com o promotor, descobrindo que havia caído em um golpe. A PM foi acionada e o caso registrado na Central de Flagrantes.

Daniele JAMMAL

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS