GCM identifica pelo RG morador de rua que teve cabeça esmagada

A polícia de Rio Preto tenta esclarecer quem matou e porque o lavrador Luís Antônio Gonçalves, 57 anos. O corpo da vítima foi encontrado por guardas civis municipais, por volta das 7h45 deste domingo, na rua Alberto Sufredini Bertoni, na Vila Maceno.

De acordo com a Guarda Civil Municipal, uma guarnição foi acionada por populares de que havia um homem caído em uma calçada, possivelmente morto.

Dhoje Interior

Ao chegarem no local os GCMs descobriram que a vítima, que era moradora de rua, teve o crânio esmagado e estava com a massa encefálica exposta.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) constatou o óbito. Peritos da Polícia Técnica e a equipe de plantão da Central de Flagrantes também compareceram na cena do crime.

Policiais verificam se há alguma câmera de segurança nas imediações que possa ajudar a identificar o autor ou autores do homicídio.

Daniele JAMMAL