Gaeco e PM fazem ofensiva contra uma quadrilha em cidades da região

ARQUIVO/DIVULGAÇÃO/ BRPAE-SJRP-PMESP: Operação do Gaeco e comando do 16º Batalhão Militar cumpre mandados de busca e apreensão objetivo é coibir o comércio de drogas e atividades do PCC.
DIVULGAÇÃO/POLÍCIA MILITAR – 16/03/2018: Ao todo 33 pessoas incluindo 03 adolescentes foram presas, ao longo do inquérito policial que durou cerca de oito meses, 15 pessoas já haviam sido privadas de liberdade.

Cinco municípios da região Noroeste Paulista acordaram com uma operação do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), membro do Ministério Público, 29 mandados (10) de buscas e apreensões, além de prisões temporárias (19).

Todos expedidos pela Justiça e logo cumpridos desde as primeiras horas da manhã desta sexta-feira (16) em Fernandópolis, Urânia, Jales, Votuporanga e Santa Albertina.

Segundo o Núcleo de Comunicação do Ministério Público de São Paulo, objetivo da ofensiva deflagrada após informações pelo comando do 16º Batalhão Militar em Fernandópolis, é coibir o comércio de drogas desarticulando assim atividades da facção Primeiro Comando da Capita (PCC), que atua dentro e fora do sistema carcerário.

Os perfis dos investigados ainda não foram revelados pelas autoridades, um dos alvos das investigações, o ‘Ciclone’, deu origem a Força Tarefa realizada hoje batizada de ‘Twister’.

“Desfecho positivo da Operação deve-se à união de esforços e dedicação dos integrantes do Ministério Público e Polícia Militar, trabalhando em prol da sociedade no combate ao crime”. Disse o tenente coronel, Antônio Umildevar Dutra Junior, comandante da PM em Fernandópolis.

DIVULGAÇÃO/ POLÍCIA – 16/03/2018: Objetivo da ofensiva deflagrada após informações pelo comando do 16º Batalhão Militar em Fernandópolis.

Ao longo do inquérito policial que durou cerca de oito meses, 15 pessoas já foram presas, diversos carros, drogas e dinheiro foram recolhidos.

Quatro promotores, 71 agentes da PM que teve o apoio da Companhia de Ações Especiais (CAEP) de Rio Preto, distribuídos em 23 viaturas e 8 motocicletas, servidores do MP, cães farejadores, além do helicóptero Águia foram acionados.

RESULTADO

Um balanço divulgado há pouco pelo Batalhão em Fernandópolis indicou as seguintes apreensões: 2 armas de brinquedo, 1 munição de calibre .38, 09 celulares, 03 computadores, 01 moto sem placa e com a numeração do chassi raspado, 01 balança de precisão, 09 pen drives, 17 cd’s e R$ 2,673,80 em cédulas.

Entre as ordens de buscas domiciliares 03 pessoas foram presas por associação criminosa. Ao todo 33 indivíduos incluindo 03 adolescentes encaminhadas a prisão. Há registro de que um homem foi preso em flagrante com uma menina menor de idade, suspeito vai responder na Justiça por estupro em Américo de Campos.

DA REPORTAGEM:

Colaboração: Guilherme Ramos, às 14h00.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS