Ex-patrão ameaça entregador após condenação na Justiça do Trabalho

Um entregador, de 30 anos, registou um boletim de ocorrência depois de ter sido ameaçado pelo ex-patrão que foi condenado pela Justiça do Trabalho a pagar uma indenização. O caso aconteceu na noite de segunda-feira (02), no residencial Vetorazzo, em Rio Preto.

Segundo o registro, o entregador foi demitido sem justa causa e entrou com ação na Justiça do Trabalho. O ex-patrão foi condenado a pagar uma indenização no valor de R$ 200 mil e, inconformado com a decisão judicial, foi até a casa da vítima e fez ameaças.

Além das ameaças ao entregador, o homem também teria ameaçado de matar os filhos e a esposa do ex-empregado.

O caso será investigado.

Por Bia MENEGILDO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS