Estudante é presa furtando roupas e alega ter sido forçada a cometer o crime

Uma estudante de 18 anos foi presa ao ser flagrada furtando peças de roupas de uma loja de departamentos, localizada em um shopping, na Vila São João, em Rio Preto. O crime aconteceu na tarde de sexta-feira (20) e a mulher alegou que foi forçada a furtar as peças.

Segundo o boletim de ocorrência, uma funcionária da loja viu a moça sentada na escada, dentro do estabelecimento, colocando roupas em uma mochila. O fiscal foi acionado e, ao conversar com a suspeita, chegou a oferecer ajuda, que foi recusada.

Ainda de acordo com o registro, o sistema de alarme do estabelecimento é integrado às etiquetas das peças e deve ser desativado pelo funcionário do caixa, depois do pagamento. No entanto, a suspeita foi flagrada pelo fiscal saindo do local, sem acionar o dispositivo.

Ela foi abordada pelo fiscal e encaminhada para uma sala reservada do estabelecimento, onde confessou o furto das peças de roupas e disse que foi forçada por amigas da faculdade a cometer o crime.

Ao todo, os fiscais encontraram 24 peças de diversos tipos de roupas, além de uma tesoura, usada para cortar as etiquetas.

A mulher foi presa e aguarda decisão da Justiça.

Por Bia MENEGILDO