Estagiária de creche no Cristo Rei perde emprego depois de ‘mal entendido’

Foto: Cláudio LAHOS

Os pais de uma criança foram até a Central de Flagrantes de Rio Preto reclamarem de um suposto maus-tratos sofrido pelo filho deles na creche municipal Márcia Affini, no bairro Cristo Rei. A estagiária da creche foi surpreendida pela família da vítima, no final da tarde de ontem.

Segundo o boletim de ocorrência, a estagiária de 26 anos aguardava os pais do garoto de dois anos chegarem. Quando a tia da criança chegou para pegá-lo observou o momento em que a estagiária estava com ele no colo, segurando-o pelos braços, chacoalhando e, em seguida, o teria jogado num colchonete que estava no chão próximo.

A tia viu esta cena enquanto o menino e a funcionária estavam de costas para ela. Uma professora e outras mães que também estavam no local testemunharam a cena.

Imediatamente o fato foi comunicado para a direção. Apesar do ocorrido, a criança não sofreu nenhuma lesão. Por telefone a coordenadora da creche informou que a funcionária foi exonerada ainda ontem. “Foi tudo um mal entendido”, disse.

Alison MOURA

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS