Escola ‘Acadêmicos do Samba’ irá representar o folclore brasileiro na avenida

 

As escolas de samba de Olímpia estão a todo vapor para fazer bonito na avenida. A escola ‘Acadêmicos do Samba’ nasceu em 2015. O presidente Alexandre Belelê com a ajuda de alguns amigos que tinham o mesmo amor que ele pelo Carnaval deram início a esta agremiação.
“Foi criado até mesmo para poder atender a sociedade como um todo. Hoje trabalho fazendo social por toda população carente de Olímpia, a fim de não deixar pessoas desamparadas, ou seja, somos uma ONG quando não temos Carnaval. Não temos um foco, tipo Carnaval, ou social, porque os dois para nós são muito importantes”, declara Belelê.
Neste ano a escola traz como tema ‘Diversidade do Folclore Brasileiro’.
“Teremos dois carros alegóricos, onde um será um pandeiro que virá representando a Festa Popular que é o Carnaval, o outro traz duas esculturas dos Bois Garantido e Caprichoso representando a festa de Parintins e um tripé que será o destaque da comissão de frente, um barco onde estarão representando a festa de Iemanjá”, conta o presidente.
Além disso, a escola terá as alas, que representarão o frevo, a festa da cavalhada, a festa do Boi Bumba. As Baianas representando o Maracatu. a Ala das crianças e dois casais de Mestre-Sala e Porta-Bandeira.
“Teremos vários destaques, Iemanjá, Parintins, passistas. Escolhemos o tema ‘Folclore Brasileiro’ por ser um tema rico e vibrante. Já que estamos na cidade do Folclore, nada mais oportuna em trazer este tema que abrange o nosso rico folclore brasileiro cada uma com suas culturas, mas com a alegria e o colorido que se encontra em todas as tradições e por isso resolvemos trazer a cultura o colorido e a alegria para a avenida”, conclui Alexandre.
A Escola Acadêmicos do Samba planeja sair com 150 integrantes.
Hoje, dentro da cidade de Olímpia, a escola conta com 30 pessoas, fora do Carnaval, mas na data festiva chega a alcançar 350 pessoas dentro e fora da escola.
O desfile será realizado no domingo, dia 23, e na terça-feira, dia 25 de fevereiro, a partir das 21 horas, no prolongamento da Avenida Aurora Forti Neves.

Por – Isabela Martins
[email protected]

Por Isabela Martins