Escola Anísio José Moreira promove sua 10ª Culminância das Disciplinas Eletivas

A diversidade é uma das ferramentas essenciais no desenvolvimento do ensino e da aprendizagem em instituições escolares. Para dar ênfase à Parte Diversificada, a Escola Anísio José Moreira desenvolve as chamadas Disciplinas Eletivas. A interdisciplinaridade é a essência do trabalho realizado. Todos os anos, a equipe da escola desenvolve a Culminância das Disciplinas Eletivas, dia dedicado a vários tipos de apresentações.

Este ano, a 10ª Culminância das Disciplinas Eletivas foi realizada no dia 5 de dezembro e contou com a participação de todo corpo discente, docente e familiares. No evento, teve apresentação de teatro, canto coral, banda, desfile de roupas recicladas, hortas, hábitos saudáveis, criptografia, o Sítio do Picapau Amarelo, fotóptica, Engenharia/Arquitetura, futebol, turismo, jornal online, patrulha solidária, moda, saúde mental e o empoderamento feminino e apresentação dos trabalhos Gentileza e valorização dos funcionários desenvolvidos por professores e alunos nas aulas de Protagonismo Juvenil.

Como destaca Marisa Luísa Pires, professora coordenadora geral, as Disciplinas Eletivas têm uma importância significativa no ensino e na aprendizagem. “As aulas das Disciplinas Eletivas impactam favoravelmente na contextualização da Base Nacional Comum, trazendo um mundo mais real para a sala de aula, com novas possibilidades de trabalho de acordo com os interesses de cada aluno, sempre pautando o Projeto de Vida, oportunizando a escolha de acordo com esses interesses, para que eles possam se aprofundar em áreas específicas”.

A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, no seu artigo 26, propõe ao currículo uma Parte Diversificada que fornece diretrizes para a concepção das Disciplinas Eletivas no Ensino Integral. Os Parâmetros Curriculares Nacionais do Ensino Médio (1999) estabelecem para a escola, em cumprimento ao seu papel primordial, pensar num currículo como instrumentação da cidadania democrática, contemplando 29 conteúdos e estratégias de aprendizagem que capacitem o ser humano em três domínios: a vida em sociedade, a atividade produtiva e a experiência subjetiva, sustentados por diretrizes gerais orientadoras pelos quatro pilares da educação da UNESCO, Aprender a Conhecer, Aprender a Fazer, Aprender a Conviver e Aprender a Ser.

Dentro do currículo do Ensino Integral, as disciplinas eletivas ocupam um lugar central no que tange à diversificação das experiências escolares, oferecendo um espaço privilegiado para a experimentação, a interdisciplinaridade e o aprofundamento dos estudos. Por meio delas é possível propiciar o desenvolvimento das diferentes linguagens, plástica, verbal, matemática, gráfica e corporal, além de proporcionar a expressão e comunicação de ideias e a interpretação e a fruição de produções culturais.

Desta forma, os alunos participam da construção do seu próprio currículo; da ampliação, da diversificação de conceitos, procedimentos ou temáticas de uma disciplina ou área de conhecimento que não são garantidas no espaço cotidiano disciplinar; o desenvolvimento de projetos de acordo com os seus interesses relacionados aos seus Projetos de Vida e/ou da comunidade a que pertencem; o favorecimento da preparação para a futura aquisição de capacidades específicas e de gestão para o mundo do trabalho, dentre outras.

Colaborou: Leandro Brito

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS