Empresária diz que teve mala arrombada durante voo para Rio Preto

Uma empresária de 33 anos registou um boletim de ocorrência ao perceber que sua mala estava com o cadeado trocado depois de um voo. Ela também informou o furto de um relógio, avaliado em cerca de R$ 800.

De acordo com o registro, a empresária contou à polícia que, ao subir no avião, um funcionário da empresa pediu que ela despachasse a mala, apesar de estar dentro dos padrões. A justificativa é que não havia mais espaço dentro da aeronave.

A vítima contou que outros dez passageiros do voo que saiu do aeroporto de Congonhas, em São Paulo, e seguia para Rio Preto, tiveram que realizar o mesmo procedimento.

Ao chegar a sua casa, a empresária percebeu que o cadeado da mala estava trocado e que um relógio, avaliado em cerca de R$ 800, não estava mais entre seus pertences.

A polícia vai investigar o caso.

Da Redação

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS