Empreendedorismo e racismo são debatidos na Câmara

evento - Realizado ontem na Câmara de Rio Preto

Nesta quarta-feira, 21, celebrou-se o Dia Internacional contra a Discriminação Racial, criado pela ONU (Organização das Nações Unidas) em 21 de março de 1960, para reforçar a luta contra o preconceito racial em todo o mundo. Em Rio Preto, a Secretaria Municipal de Direitos e Políticas para Mulheres, Pessoa com Deficiência, Raça e Etnia, promoveu evento na Câmara Municipal, para mais de 70 pessoas, entre elas alunos das faculdades Unirp, Unesp e Unip.
Sob o comando da secretária Maureen Leão Cury, titular da pasta, o evento teve abertura e encerramento com a Banda da Polícia Militar de Rio Preto e a Cia Procuru, do projeto Aquário, que apresentou danças afros, finalizando com um rito de protesto contra o racismo. O ponto alto foi a palestra do engenheiro Osvaldo do Nascimento, diretor da Acirp, sobre Empreendedorismo e Racismo.
Presentes o presidente da Câmara, coronel Jean Charles Serbetto, a advogada Melissa Fernandes (representando a OAB Rio Preto), Amena Kfouri (Secretaria da Saúde), Sueli Veloso (Defesa Civil), Silvia Regina Silva (Conselho Afro), Mônica Galindo (Conselho da Mulher), Nimenon Pinheiro (Unirp), Pastor Altair Pereira da Silva (Conselho Nacional dos Pastores Afros), entre outros.

O presidente da Câmara falou sobre a miscigenação do povo brasileiro, portanto não deveria haver razões para manifestação do preconceito. “Através do diálogo e da compreensão podemos transformar o mundo, sem necessidade de impor nosso pensamento para criar discórdias,” disse Serbetto.

A advogada Melissa aproveitou para fazer reflexões. “Precisamos refletir: por que tantas desavenças e descaso? Por que não aceitar o outro? Há muita coisa para mudar. Os negros hoje são transformados em números, não em pessoas. Precisamos garantir que as leis sejam cumpridas, precisamos fiscalizar, olhar ao lado, olhar o irmão. O racismo mata, assim como a homofobia. Isso só vai mudar com educação. E educação de qualidade,” afirmou.

 

Da REDAÇÃO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS