Educação cria grupo de trabalho para debater volta às aulas em Rio Preto

Imagem: Wokandapix-Pixabay

A Secretaria de Educação de Rio Preto, por meio de uma portaria, criou a Câmara de Planejamento para o Retorno às Aulas Presenciais no contexto da pandemia da Covid-19, determinado a sua constituição, nomeação dos membros e atribuições.

Ao todo a Câmara terá 13 atribuições a serem cumpridas, iniciando pela forma que será feito o acolhimento aos alunos, passando por protocolos de segurança sanitária de higiene que serão utilizados para a criação dos protocolos, cumprimento dos marcos legais da legislação em vigor na área educacional.

Dhoje Interior

Critérios – Um dos pontos a serem debatidos pela Câmara é a instituição critérios para o retorno das aulas presenciais, das etapas e modalidades da Educação Infantil (Creche, 4 e 5 anos); Ensino Fundamental – anos iniciais e anos finais, Educação Especial e Educação de Jovens e Adultos.

Entrosamento – Um dos focos é criar o entrosamento com as Secretarias da Saúde e Assistência Social, bem como ações para o atendimento psicológico ou de orientação emocional aos alunos, suas famílias, professores e demais trabalhadores da educação se for necessário.

Alimentação – Reformular a forma de manuseio dos alimentos por meio de protocolos definidos junto com a Secretaria da Agricultura e Abastecimento, definir a oferta de alimentos/refeições de forma individualizada, além do regramento do distanciamento que deverá ser respeitado nos refeitórios.

Contra o tempo – A portaria determina que os membros da Câmara de Planejamento terão 30 dias, contados a partir da primeira reunião, para a elaboração das proposituras.

A Câmara será composta por 23 membros titulares e o mesmo número de suplentes, sendo que a maioria é ligada a área da educação pública, mas tendo também a participação um representante da rede privada, além de outras pastas municipais como Saúde, Assistência Social e Agricultura. Órgãos como: os Conselhos Municipais de Educação e dos Direitos da Criança e Adolescente terão suas cadeiras, além da Promotoria Pública da Criança e do Adolescente.

A Secretaria já definiu o nome de duas pessoas para conduzirem os trabalhos da Câmara de Planejamento – sendo eles Márcio Alves, assessor da Secretaria de Educação, que foi nomeado como Coordenador Geral da Câmara e Mirian Roberta Pedrini, supervisora de Ensino, que vai ocupar o cargo de Secretária. Ambos ficaram responsáveis pelas convocações das reuniões, definir cronogramas, coordenar e articular as discussões, além de se reportarem a Secretaria de Educação sobre os encaminhamentos que estão sendo feitos. 

Publicidade – Todas as atas ou relatórios das reuniões da Câmara será publicada no site da Educação Digital: https://digital.educacao.riopreto.br/

Volta as aulas – A definição de data de retorno às aulas presenciais ou nova paralisação das aulas presenciais cabe ao Comitê Gestor Municipal de Combate à Pandemia do Coronavírus- COVID-19.

Por Sérgio SAMPAIO – Da Redação Jornal DHoje Interior