Dezenas de menores são flagrados em baile clandestino

Foto: Divulgação / Vara da Infância e Juventude

Agentes da Vara da Infância e da Juventude flagraram dezenas de adolescentes em um baile clandestino realizado em uma chácara, no Residencial Morada Campestre, em Rio Preto, na noite de sexta-feira (20). A operação foi realizada com o apoio da Guarda Municipal e da Polícia Militar.

Segundo informações do comandante operacional da Guarda Municipal Vitor Cornachioni, o baile clandestino foi descoberto por meio de propaganda divulgada em redes sociais. Os anúncios diziam o local exato onde o evento seria realizado.

A primeira pista era de que a festa aconteceria em um salão de festas, no Jardim Nunes. Depois os agentes ficaram sabendo que o evento foi transferido para uma chácara, no Residencial Morada Campestre, perto do bairro Brejo Alegre.

Ao entregar no salão de festa, os agentes constataram que tinha venda indiscriminada de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos, o que é vetado pelo Estatuto da Criança e do Adolescente.

Com um adolescente, de 17 anos, foi encontrado foi apreendida uma garrafa com líquido inalante, duas porções de maconha e uma porção de crack. Ao ser interrogado, o jovem negou a posse dos entorpecentes.

Uma dona de casa de 41 anos foi atuada pelo crime de entrega de produtos cujos componentes possam causar dependência a menores de idade, também previsto no ECA. Ela alegou que estava apenas realizando a festa de aniversário de sua filha adolescente, que estava completando 17 anos.

As 17 garrafas bebidas, as porções de drogas e o narguilé, encontrados no local, foram apreendidos e depois entregues na Central de Flagrantes. A mulher autuada foi liberada após prestar depoimento, mas vai responder ao inquérito policial.

Por Bia MENEGILDO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS