Defesa Civil do Estado promove oficina para a operação estiagem em Rio Preto

Abertura da oficina preparatória para Operação Estiagem no Centro de convenções da Acirp. 08/05/18. Fotos: Ivan Feitosa/SMCS.

Rio Preto recebeu o nono dos quinze treinamentos que fazem parte da Oficina Preparatória para a Operação Estiagem, realizada pela Defesa Civil do Estado e que segue até o dia 29 de maio. O intuito é preparar os municípios para lidarem com o período de seca, em que são registrados altos índices de queimadas. O encontro aconteceu nesta terça-feira (08), no Centro de Convenções da Acirp e reuniu cerca de 300 pessoas.

Nessas oficinas que acontecem em todo o Estado de São Paulo, são abordados temas de interesse local para a construção de rede de prevenção de riscos e de desastres, ensinando os municípios a utilizarem as ferramentas existentes, como legislação aplicada à proteção e defesa civil, elaboração de plano de contingência para o período de estiagem, critérios para a decretação de situação de anormalidade e solicitação de recursos às esferas estadual e federal, além do uso de aeronaves para combate a incêndios em cobertura vegetal, sendo que tais fatores fazem parte do Programa Município Verde Azul, que tem como propósito medir e apoiar a eficiência da gestão ambiental.

De acordo com a Secretária da Casa Militar e coordenadora da Defesa Civil do Estado de São Paulo, Coronel Helena dos Santos Reis, a oficina realizada em Rio Preto é também destinada aos 96 municípios que compõem a região rio-pretense. “Serão ensinamentos para brigadistas e agentes municipais da defesa civil que irão atuar para tentar minimizar os eventos dessa época, que são os incêndios em coberturas vegetais”, disse.

O prefeito Edinho Araújo também esteve presente nessa reunião e destacou a questão da consciência e prevenção. “Esta preparação dos nossos brigadistas, da Defesa Civil dos nossos municípios vão ser levadas ao conjunto de voluntários que estão também atuando nos nossos municípios para que nós tenhamos menos incêndios neste ano”, afirmou.

Segundo o diretor da Defesa Civil de Rio Preto, Coronel Carlos Lamin, a importância do evento de cunho regional é fomentar e despertar as unidades de Defesa Civil para a estiagem que se aproxima. “A Defesa Civil já começa a se preparar tanto no aspecto prevencionista quanto também na resposta, ou seja, apagar os princípios de incêndio, evitando assim uma qualidade muito baixa do ar respirável”, comentou.

A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (CEDEC/SP) realiza a oficina em parceria com as Secretarias de Estado do Meio Ambiente, Superintendência de Controle de Endemias (SUCEN) da Secretaria de Estado da Saúde, Polícia Ambiental, SOMAR Meteorologia e Corpo de Bombeiros.

Por Priscila CARVALHO

SEM COMENTÁRIOS