Corpo encontrado em canavial de Catanduva pode ser de jovem desaparecido em Guaíra

REPRODUÇÃO/MAPS/ARQUIVO: Uma pessoa que passava pelo canavial às margens da vicinal encontrou o corpo e chamou a polícia.
Rapaz de 23 anos desapareceu após sair de carro com amigos durante festa de peão desde o dia 19 de maio, na manhã de hoje um corpo foi localizado perto de Elisiário.

A Polícia de Catanduva-SP (a 58 km de Rio Preto) investiga a identidade de um corpo já em estado avançado de decomposição localizado na manhã desta quarta-feira (04), em um canavial às margens da Vicinal Comendador Chafic Saab perto de Elisiário-SP. O IML (Instituto Médico Legal) ainda não confirmou oficialmente se as características são as mesmas de um jovem de 23 anos que morava em Guaíra-SP e estava desaparecido desde 19 de maio.

Segundo autoridades locais, o cadáver foi descoberto por uma testemunha que passava pelo local e comunicou o fato aos investigadores que estavam de plantão, junto a ossada havia uma dentadura, vestígios da bermuda e uma camiseta.

Peritos da Polícia Científica também foram acionados para fazer um levantamento preliminar e médicos do IML irão concluir em laudo oficial as causas da morte.

A reportagem do DHOJE por telefone não conseguiu um contato com o delegado, Marcelo Augusto Díspore, que registrou a morte suspeita.

Entretanto não ter sido oficializado a relação dos dois casos o desaparecimento e a descoberta do corpo. Familiares haviam reconhecido as tatuagens que o jovem usava, além do número do telefone da mãe anotado em papel dentro do bolso da roupa.

O rapaz não foi mais visto depois de sair com amigos de carro durante uma festa de peão realizada em Guaíra. Não informações de marcas de disparos no corpo da vítima M.J. Até o fechamento desta notícia o boletim de ocorrência estava sendo produzido e caso segue em apuração policial.

DA REPORTAGEM:

Colaborou: Guilherme Ramos, às 15h35.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS