Condutores provocam acidentes e fogem sem prestar socorro

Acidentes de trânsito em Rio Preto têm sido algo comum pela cidade, envolvendo vítimas ou não, o que chama a atenção nesses casos é a quantidade de motoristas que acabam fugindo após esses tipos de ocorrência. Nas últimas 24 horas, na cidade foram registrados oito acidentes de trânsito, sendo que em quatro deles o condutor que provocou o acidente acabou fugindo do local.

Em um dos casos a vítima, um homem de 52 anos, acabou perdendo parte do dedo da mão. O acidente aconteceu na noite do último sábado, mas foi registrado apenas nesta terça-feira. O motociclista ferido seguia pela avenida Fortunato Ernesto Vetorazzo, em direção ao campo do bairro Jardim Antonieta, quando foi atingido por outra moto, que era ocupada por um casal. Na colisão a vítima acabou caindo ao chão e teve ferimentos no braço e mão diretos. Ele foi socorrido pelo SAMU até a Santa Casa, onde precisou fazer uma cirurgia e perdeu uma falange do dedo mínimo direito. O outro motociclista que provocou o acidente acabou fugindo do local e não foi possível anotar a placa da moto.

Em outro caso, uma adolescente de 14 anos foi atropelada no final da tarde da última terça-feira em frente à escola Otacílio Alves Pereira, que fica no Conjunto Habitacional Rio Preto I. A menor saía da escola e ao cruzar a rua foi atingida pela moto, mas não conseguiu anotar a placa e o motociclista fugiu. Populares afirmaram que o condutor era um menor de 15 anos que também é estudante dessa escola. A vítima teve apenas ferimentos leves e foi socorrida ao UPA Jaguaré.

Esses e os demais outros casos serão investigados pela polícia.

 

Por Priscila Carvalho

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS