Comerciante acusa advogado de aplicar golpe de estelionato

Moradora em um condomínio fechado, comerciante de 52 anos procurou a Central de Flagrantes de Rio Preto, na tarde desta quinta-feira, para denunciar um advogado, com escritório em avenida da Vila Sinibaldi, por estelionato.

De acordo com o boletim de ocorrência, ao entregar uma sala comercial em shopping da cidade, antes do fim do contrato, a vítima negociou o pagamento de multa pela rescisão antecipada, tendo o acusado como intermediador.

Segundo a comerciante, ela entregou ao suspeito, em várias parcelas, desde janeiro deste ano, R$ 15 mil a título de honorário e R$ 26 mil para quitação do acordo com o centro de compras.

Recentemente, a vítima descobriu que nenhum repasse ao shopping foi feito pelo advogado, de 51 anos.

Conforme o BO, o profissional teria primeiro dito que iria verificar o que tinha acontecido e, posteriormente, que devolveria a diferença do valor pago.

O caso segue sendo investigado pela polícia rio-pretense e o indiciado deve ser ouvido nos próximos dias.

Daniele JAMMAL

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS