Comer, Beber e Afins: Rio Preto ganha marca de café premium

A Beato cafeteria vai servir o café para degustação neste sábado

Acontece neste sábado (14), na Beato cafeteria, o lançamento de uma nova marca de café premium, do jogador Jefferson, goleiro do Botafogo do Rio de Janeiro. Proprietário da cafeteria, Jefferson escolheu Rio Preto como cidade para seus investimentos fora do futebol. A nova marca vem com dois tipos de grãos, produzidos na Serra da Canastra, que resultaram no Expresso Beato e o DoBlack JEFF. São blends Dupier (100% arábica). O Beato Expresso é suave e o Doblack JEFF é mais encorpado.

O novo café poderá ser adquirido na Beato cafeteria

O café será comercializado, inicialmente, na Beato cafeteria. Jefferson se inspirou em suas viagens pelo mundo, nas quais provou diversos tipos de cafés para investir nesse novo produto. “Quero oferecer algo de qualidade e com sabor diferenciado. Fui à Serra da Canastra onde conheci o Café Canastra e daí surgiu nossa parceria para essa marca, que lanço agora exclusiva para Rio Preto”, define ele.

O café tipo arábica é considerado o mais saboroso ao paladar pelo aroma e doçura intensos. Existem dois tipos de planta de café: Arábica e Robusta (Conilon). De acordo com especialistas, os “melhores” cafés são do tipo Arábica, possuem aroma e doçura intensos com muitas variações de acidez, corpo e sabor. Os cafés especiais e gourmet são 100% Arábica. O Arábica tem 50% menos cafeína que o Robusta.

O goleiro Jefferson escolheu grãos tipo arábica da Serra da Canastra

O café do goleiro Jefferson é com Blend Dupier, por ter composição 100% de grãos tipos arábica, que o torna um café gourmet. Blends são combinações de café, que se dá porque cada variedade da planta do café arábica possui atributos específicos. As combinações, ou Blends, são desenvolvidas para balancear ou acentuar as melhores qualidades de cada variedade de café arábica. Se você aprecia essa bebida consumida pela maioria dos brasileiros, não pode deixar de provar a novidade.

Para experimentar, a Beato cafeteria estará aberta neste sábado (14) até às 18 horas para quem desejar degustar. A Beato fica na Rua Américo Gomes Nóvoa, 730, Jardim Redentor, próxima ao shopping Plaza. Para mais informações, o telefone é (17) 3364-6333.

 

Conversa com A Chef 

Helô Palácio

Inventadeira por prazer e profissão, Helô Palácio é MBA em Marketing pela FGV e graduada na mesma área. Conquistou seu poder de influência nas redes sociais compartilhando experiências sobre gastronomia, viagens e estilo de vida. Natural de Oriente/SP, é assadora, parrileira, carnívora e movida por churrasco. Participou do reality show BBQ Brasil do SBT e se destacou com uma das 3 melhores churrasqueiras mulheres do Brasil e se tornou uma das maiores influências do país na área. Tem como paixão e referência a cozinha argentina com um toque do DNA brasileiro, presente em suas receitas apresentadas nos melhores festivais BBQs do Brasil. Se encontra atualmente em Mendoza, na Argentina, atuando no Restaurante 1884. Deve estar em Rio Preto no próximo O Braseiro Entre Cortes, que acontece ainda este ano.

Comer, Beber e afins em Rio Preto – Como é participar de eventos de churrasco num mundo predominantemente masculino?
Helô Palácio – Esse mundo só é predominantemente masculino porque nós mulheres dificilmente precisamos pensar em fazer churrasco, estamos sempre cercadas de homens que fazem isso por nós. No meu caso, é meu pai. Tanto que até hoje na minha casa quem faz é ele, eu faço quando estou sozinha ou com amigos. Eu venho de uma família de mulheres fortes, independentes e que fazem o que quiserem. Nunca paramos para pensar se determinada coisa era masculina ou feminina, tanto que amo carros, bebidas e futebol. O desafio de assumir o churrasco profissionalmente está em fazer algo que todo brasileiro “sabe fazer”. Sempre fui bem recebida por onde vou, e muitos homens admiram meu trabalho. Eu faço meu fogo, pego o carvão sem luva, e faço questão de operar minha parrilla. Como mulher, sou perfeccionista, faço com carinho e fico muito honrada de poder servir as pessoas. Quando nos propomos fazer algo, fazemos bem. E sabe o que compensa a febre no final do dia? A alegria e o encantamento das pessoas que provam nosso churrasco. Tem preço isso?

Comer, Beber e afins – Churrascadas com várias estações são a nova onda da gastronomia no Interior do Brasil?
Helô – O Brasil vive uma revolução gastronômica com força jamais vista em nosso país nos últimos 50 anos. Churrasco é domínio público e paixão nacional, e agora ele ganha apelo com novas técnicas que transformaram uma celebração brasileira em um show. Hoje existem muitos festivais, grandes chefs que estão fazendo história procurando desenvolver novas técnicas, e amadores que confundem o “churrasco de casa” com o profissional. Por um lado, estamos nos desafiando a criar em cada evento, dificilmente eu sirvo a mesma receita em 2 eventos, procuro desenvolver algo em casa, compartilho essa experiência em meu Instagram (@helopalacio) e se os seguidores gostam, levo para os eventos para que eles possam provar, como aconteceu com a Manteiga de Tutano que tem se tornado um clássico do meu churrasco. Há quem diga que estamos “gourmetizando” o churrasco. Na verdade, não gostamos desse termo. A diferença entre o trabalho que desenvolvemos e a gourmetização é que usamos técnicas internacionais e adaptamos às condições e paixões brasileiras, incluindo uma dose do nosso DNA e nossa assinatura nelas.

Comer, Beber e Afins – Qual seu corte preferido?
Helô – Gosto do Chorizo e Ancho (cortes retirados do Contra Filé) e dos cortes do dianteiro do boi, como o Short Rib e Prime Steak, que são retirados do Acém, e o Shoulder e Flat Iron retirados da paleta do boi.
Comer, Beber e afins – O que aprendeu nesse mundo de carnes e bois?
Helô – Aprendi que em boi de primeira não existe carne de segunda! Os cortes que eram chamados até então de “carne de segunda”, como o acém que o pessoal ama colocar na panela são deliciosos também.
Comer, Beber e afins – Qual o churrasco mais perfeito que comeu?
Helô – Foram alguns, mas tenho dois inesquecíveis: um Prime Steak Dry Aged (maturação à seco) de 90 dias na parrilla com a manteiga de tutano (foi nesse dia que criei a receita e nunca mais desapeguei), e um steak de Nelore com 13 anos de idade do Açougue Central que provei recentemente.

Comer, Beber e afins – Estar à frente da churrasqueira é…
Helô – PAIXÃO. Paixão é o que nos move. Tem coisa melhor do que trabalhar cercada de amigos fazendo churrasco e curtindo boa música? Eu tenho o trabalho dos sonhos e agradeço muito a Deus por ele todos os dias.
Comer, Beber e afins – O que faz quando não está fazendo churrasco?
Helô – Estou estudando churrasco ou viajando em busca de conhecimento na área.

Comer, Beber e afins – O que recomenda para jovens chefs que programam ingressar no universo da carne?
Helô – Acredito que para fazer qualquer coisa é preciso estudar muito, principalmente com relação à carne, onde cada corte tem sua peculiaridade, formas de preparo e tempo de cocção. Quando falamos de carne, é muito importante conhecer o animal, as raças, características e entender a melhor forma de respeitar o sabor e as características dessas raças. Independente da profissão, estudar sempre vai fazer a diferença na formação de um profissional de sucesso.

 

Novidade no Riopreto Shopping
Nesta sexta-feira (13) inaugura no Riopreto Shopping a mais nova aposta da Lug’s Franchising, a Lug’s All Time Gourmet.A primeira unidade de Rio Preto vem com opções assinadas por chef’s internacionais e cardápio com opções de pratos gourmet e o prato do Chef, conhecido como o melhor Frango e Batata do mundo. Tem ainda caneca gelada de chopp; chás e soda italiana.

É de churrasco que você gosta?
A partir desta sexta-feira (13) até domingo (15), o Empório Nhô, do Chef Alexandre Vilela, o Badaró, em parceria com a Santo Lúpulo cervejas artesanais, promove o Beer & BBQ, no estacionamento do shopping Plaza. Trata-se de um evento de cervejas artesanais acompanhado de churrasco, com entrada gratuita.

50 rótulos
Serão 50 rótulos de cervejas artesanais e quatro estações de churrasco comandadas por Renato Gil, da Demas BBQ de São Paulo, Adriano Silva, o Geléia, também de São Paulo e Alexandre Badaró, do Empório Nhô. Ele fará seu varal de aves e cupim, acompanhados de salada coleslaw e milho com missô. Haverá costela fogo de chão preparada por Renato Gil, steaks e burguers assados na parilla e brisket, costelinha e pulled pork no Pit defumação.O consumidor pagará o que consumir. Os pratos terão custo de R$15 a R$25 e as cervejas variam de R$8 a R$10. O evento terá animação de várias bandas e DJs.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS