Comer, Beber e Afins: Reveillon Quinta do Golfe 2018: glamour e boa comida

O Varanda do Golfe: lounge anexo ao campo de golfe

Já escolheu onde vai passar a virada do ano? Pois se você procura requinte e bom gosto, a dica é a ceia de réveillon no Quinta do Golfe Clube. Este ano o cardápio tem assinatura do Buffet Dalila, que tem 42 anos de tradição em gastronomia. A cozinha está sob o comando de Letícia Grisi, especializada em cozinha artesanal. Além do buffet Dalila estar pela primeira vez à frente do evento, a novidade é que quem quiser levar seu champanhe ou uísque terá rolha liberada.

O diferencial do Dalila é a qualidade dos ingredientes aliado à expertise da equipe, que atua em São José do Rio Preto nas melhores festas e eventos. O cardápio da virada inclui mesa gastronômica de entrada, ilha de grelhados com camarão e Shiitake (grelhados na hora), serviço à americana para os pratos quentes que vêm com Filé mignon ao molho roti com batatas assadas, parma e alecrim, arroz de Grappa com limão siciliano e zestes de laranja flambada, ripa de leitão, arroz branco, raviole de mandioquinha ao molho de tomate seco, ravióli de queijo ao molho Lima e de sobremesa suflê de goiabada com calda de cream cheese e sorvete de limão com calda de frutas vermelhas. Na sequência serão servidos café, chás e madeleines. E na madrugada tem pastel de carne e queijo servido no tabuleiro. As bebidas inclusas são: refrigerante normal e light, água mineral, suco de laranja, vinho tinto e espumante e cerveja.

O hall de entrada do clube: requinte nos detalhes

Ana Carolina Grisi, que organiza o evento, define a festa como um novo desafio. “É uma novidade para nós, pois nunca trabalhamos com venda de convites, mas estamos preparando uma festa que tem tudo para ser uma grande noite”, destaca. A queima de fogos será no campo de golfe com contagem regressiva na hora da virada. O som será por conta do DJ Formiga.

Os convites para o réveillon no Quinta do Golfe estão à venda na sede do restaurante Varanda do Golfe, localizado no clube. O preço é R$350 por pessoa, que podem ser parcelados em três vezes no cartão de crédito. O telefone para informações e reservas é o 17 – 3233-6488.

 

Conversa com o Chef

Rodrigo Bueno é personal chef e conhece bem o paladar da família rio-pretense.

A partir desta sexta-feira (17) a coluna vai trazer dicas dos Chefs sobre ceia de Natal e Ano Novo. Se você é daquelas pessoas que gostam de reunir a família em torno de uma mesa e o seu Natal tem cheiro de assado e sabor de nozes e castanhas, acompanhe as dicas sobre como preparar uma ceia farta e com custo que cabe no bolso.

Esta semana quem assina o cardápio é o Chef Rodrigo Bueno, que é personal Chef (vai na sua casa) e professor de gastronomia no Senac. “A Ceia é um momento de muita fartura, porém também de confraternização. É possível criar um cardápio econômico mais que fique na memória afetiva”, define ele.

Bueno sugere de entrada a Salada Waldorf, que é feita com maçã verde, mas que pode ser substituída por maçã gala. Outra Salada é a Veraneia, feita de folhas variadas com fatias de manga, bem típica da época, pois leva nozes e cerejas frescas. Arroz feito com amendoim ou outro tipo de castanha é um bom complemento para os pratos quentes.
Rodrigo Bueno lembra que uma boa opção para reduzir custo é substituir o Peru tradicional por uma receita de Frango Assado. “Recheado de farofa com pêssegos e cerejas é uma excelente pedida, já que não precisará de muito e fica uma delícia”, indica.

Ele inclui o Lombo assado com farofa de ameixa e bacon, outro prato fácil. “É outra ótima escolha para a Ceia de Natal, uma carne um pouco mais barata e com um acompanhamento bem aceito”, destaca.

Bueno inclui o tradicional pernil suíno, que tem um valor bem acessível e agrada a quase todos. Sem falar do cheiro de Natal que fica na sua casa…

Para os que não comem carnes vermelhas, o chef lembra que um peixe assado inteiro pode ser um valioso aliado na hora de agradar e dar um pouco mais de requinte à mesa. A sobremesa fica por sua conta, pode ser sorvete, um manjar ou pudim. Na próxima semana, traremos mais dicas.

Hamburgueres, steaks e afins

O Santo Porco no pão australiano: o sabor dos queijos aliado ao vinagrete e à linguiça tornam o lanche delicioso.

Os sócios Enio Garcia e Thiago Morasca comemoram um ano de sucesso com a Steakhouse e Hamburgueria Santo Fogo. Neste feriado (15) eles receberam a imprensa para apresentar o Santo porco, um hambúrguer gourmet feito com linguiça, mozarela, azeitona preta, molho aioli a base de alho e alecrim com provolone e vinagrete. A festa de comemoração teve chopp de graça o dia todo. O santo Fogo fica na XV de novembro, 3833, na Redentora.

 

Adamaris Silva e o casal Nádia Burkedale e Paulo Beal.

Balada 1
A empresária Adamaris Silva, proprietária das lojas Marian Chic, foi prestigiar o Buteco Society, no Buffett Manoel Carlos, no último sábado (11).

Balada 2
A festa Buteco Society foi ótima e jornalistas e colunistas marcaram presença: Frederico Tebar, Ellen Lima, Beck, e Bia Fleury foram prestigiar Cida Caran e Marcinho Silveira (que fez a foto).

 

 

 

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS