Comer, Beber e Afins: Massas Zarattini – pratos prontos para qualquer ocasião

A casa de massas Zarattini, que produz massas frescas artesanais, é a opção ideal para quem precisa de uma comida pronta e saborosa e não tem tempo de preparar. A marca oferece nove opções de massas, produzidas sem conservantes e sem corantes e com vários tipos de molhos, feitos de forma artesanal. “Nosso diferencial é o sabor da massa caseira. O molho é feito com tomates frescos e sem aditivos artificiais”, destaca Giancarlo Zarattini, o proprietário.

O ravioli tem quatro opções de recheio

A empresa Zarattini é um negócio familiar, que tem a matriz na cidade de Marília (SP), onde funciona desde 1980, logo após a chegada de seus fundadores ao Brasil, vindos de Verona, na Itália. A marca atende em São José do Rio Preto desde novembro de 2016. “Rio Preto nos recebeu bem. Quem experimenta gosta e volta”, comemora Giancarlo.
Atentos às necessidades do mercado de Rio Preto, a casa agora oferece serviço de delivery. As massas são entregues na casa do cliente sem cobrança de taxa, para compras acima de R$60. Compras menores tem o adicional da taxa que varia dependendo do bairro da entrega.

O sofiatelli é
o prato mais
vendido da
marca

O prato mais vendido da Zarattini é o sofiatelli, uma trouxinha de massa recheada, que tem 15 opções de recheio, como: 4 queijos com damasco, queijo brie com pera, bacalhau, camarão, calabresa e muçarela, entre outros. Outros pratos muito vendidos são a lasanha e o talharini. O nhoque de batata ou mandioca também tem grande procura. Todas as massas podem ser adquiridas para preparar em casa ou já prontas com molho, só para aquecer.

O menu Zarattini é uma ótima opção para o almoço de Páscoa. Quem não aprecia peixe pode escolher entre os recheios e molhos da marca.

A Casa de massas Zarattini fica na rua Antonio de Godoy, 3348, centro. O atendimento é de terça à sexta-feira das 9 às 18 horas e aos sábados e domingos das 9 às 12h30 horas. Para informações sobre preços e encomendas, ligue: 17-3304-8745.

 

Conversa com o CHEF

Jeferson Finger: primeira vez em Rio Preto no dia 10 de março

Jeferson Finger – Chef churrasqueiro do Barbacoa SP

Ele é paranaense, tem 40 anos e faz parte do time de especialistas do Barbacoa, considerada a melhor churrascaria de espeto corrido de São Paulo. Com 19 anos de experiência dedicada à carne, Jeferson Finger é responsável pelos eventos do Barbacoa realizados no Brasil e exterior. A missão de divulgar a qualidade da carne brasileira e a tradição do nosso churrasco pelo mundo já resulta em uma expertise com mais de 18 países na bagagem, além das maiores feiras de alimentação do planeta. Sua próxima viagem é rumo a São José do Rio Preto, onde vai participar do evento O Braseiro, dia 10 de março.

Comer, Beber e Afins – Já conhece São José do Rio Preto? Qual sua expectativa com a estreia no Braseiro?
Jeferson Finger – Não conheço São José do Rio Preto, será a primeira vez. Espero atender às expectativas do público, que pelo que sei é bem antenado e aprecia uma boa gastronomia.

Comer, Beber e Afins – O que o levou a atuar com churrasco?
Finger – Como todo sulista desde muito novo aprendemos e acompanhamos nossos pais e avós nos churrascos de família, uma paixão que surgiu na infância e se tornou minha profissão.

Comer, Beber e Afins – Churrasco para você é um negócio, um lazer ou uma paixão?
Finger – Paixão e prazer aliados ao negócio.

Comer, Beber e Afins – O que pretende trazer na estação que vai comandar em O Braseiro?
Finger – Vou levar um dos cortes mais clássicos e apreciados pelo brasileiro, a costela bovina. Nesta edição faremos um “playground” de costela, o princípio básico do varal de costela.

Comer, Beber e Afins – Picanha boa é picanha com muita gordura?
Finger – Não só isso, a gordura da Picanha é um dos quesitos que deve ser avaliado na compra, uma boa capa de gordura significa que respeitaram todos os processos da cadeia produtiva para se ter uma carne de qualidade.

Comer, Beber e Afins – Você costuma citar Swift Black. Aqui no sertão, a Swift acabou de chegar. Explique (o swift Black).
Finger – Não cito apenas a Swift Black, costumo citar marcas com as quais já trabalhei com o produto e confio na qualidade do mesmo. A Swift Black, assim como outros projetos de carnes nacionais, estão fazendo um belo trabalho e buscando cada vez mais a tão solicitada linha “gourmet” para churrasco.

Comer, Beber e Afins – Qual o segredo do melhor churrasco?
Finger – Carne de qualidade e organização antes de começá-lo. Faça sempre um check list de tudo que vai precisar, desde as carnes e acompanhamentos até o material de limpeza e apoio. Confira também o número de convidados, condições da churrasqueira, se seus utensílios estão em dia e se sua faca está bem afiada. Quanto menos você precisar improvisar, melhor para você se concentrar na carne e fazer um bom churrasco.

Comer, Beber e Afins – O que você acha do Dry Aged e outras maturadas?
Finger – Gosto muito do Dry Aged (tenho uma geladeira made home), porém, aqui no Brasil ainda tem um custo muito alto de produção, pois as carnes usadas para o processo devem ser altamente selecionadas, levando em conta a idade do boi e a raça. Em relação as outras maturadas, quase toda carne consumida no Brasil passa por um sistema de maturação que se chama wet aged (maturação úmida, aquela que a carne é embalada à vácuo), é importante que a carne seja maturada, mas também é bem importante respeitar o tempo de maturação, pois a carne embalada à vácuo por muito tempo pode ficar com um gosto muito acentuado e assim, perder as características de sabor.

Comer, Beber e Afins – Você disse em algumas entrevistas que hoje no Brasil não há mais criadores de boi, mas produtores de carne. Evoluímos no trato com os animais ou ainda é preciso mais conhecimento do criador?
Finger – Tenho muito orgulho dos produtores brasileiros que investiram em projetos e parcerias para o desenvolvimento de uma carne de alta qualidade, com padrão necessário para atender a crescente demanda de um público mais exigente. O pecuarista, que lá atrás se propôs em fazer essa carne de alta qualidade já sabia que a partir daquele momento tudo mudaria na sua fazenda, desde o bem estar animal e todo processo da cadeia produtiva, visando a partir disso a produção da carne e não só a cria do boi.

Comer, Beber e Afins – Como você vê as churrascarias do interior? O rodízio é um sistema ultrapassado?
Finger – O rodízio é um sistema clássico que está inserido na cultura do brasileiro. Os empresários do ramo têm investido muito na atualização do conceito, tanto em produtos como no serviço.

Guto Covizzi comanda a expansão da marca

Bella Capri : expasão a todo vapor
A franquia Bella Capri já está em 11 cidades e possui 22 lojas em operação. Nesta semana foram inauguradas duas novas unidades da marca: uma em Barretos e outra em Campinas. Guto Covizzi, diretor da Bella Capri franquias planeja terminar 2018 com mais algumas cidades. Estão em obras unidades da Bella Capri em Ribeirão Preto, Franca e José Bonifácio.

Feijoada Tricolor
Será no dia 14 de abril, a Feijoada Tricolor, quando os torcedores tricolores de São José do Rio Preto e região têm a oportunidade de conhecer personalidades com passagens marcantes pela história do São Paulo Futebol Clube. A segunda edição da Feijoada Tricolor será realizada na Mansão Bifano e terá buffet completo, além de atrações musicais, espaço kids, sorteios de brindes e camisas oficiais do clube. A renda e os alimentos arrecadados serão revertidos para instituições sociais.Já estão confirmadas as presenças do ex-atacante Aloísio Chulapa, do ex-zagueiro Fabão e do ex-lateral Vitor, todos campeões pelo São Paulo. Informações: (17) 3235-1731 e (17) 98810-5056 (WhatsApp).

Flávia Costa e Renato Nasser idealizaram O Braseiro

O Braseiro
Será no próximo sábado (10) O Braseiro, um evento que promete se fixar no calendário gastronômico anual de Rio Preto. Trata-se de um encontro dos melhores churrasqueiros e Chefs do Brasil, experts em churrasco, divididos em 20 estações de carne. Nelas serão servidos desde dry aged a shoulder e outros cortes modernos com carne de bois red e black angus e também linguiça cuiabana, T-bone, varal de aves e embutidos diversos. Os ingressos estão à venda na Home Beef Shop e na internet acesse: www.bilheteriadigital.com/o-braseiro-10-de-marco.

 

Por Ellen LIMA

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS