Coluna do Beck: Aleatoriedades

Bem-vindo à vida adulta e um beijo pra quem te chama de tio na fila do bosque...

Olar, brazeeel! Bom dia pra você que ainda não sabe que está na vida adulta, mas ouve crianças aleatórias te chamando de tio/tia na rua, na fila da sorveteria, na entrada do Bosque Municipal…

Vida real

Sim, prezado leitor, estimada leitora, a idade chega pra todo mundo. Mas para alguns, vamos combinar, ela chega através do sorriso fofo de uma criança inocente. Bem-vindo à maturidade.

Queimando vasinhos…

Por que notas com esse teor de introspecção logo na quinta-feira? Porque não estamos sabendo lidar com os desarranjos emocionais da vida adulta e queremos dividir com vocês esse momento tão metafísico e ao mesmo tempo ‘inflamatório’ a que todos chegarão. Mais cedo ou mais tarde. Pode reparar.

Saída à direita

Agora que já desabafamos, vamos aos entreveros políticos do dia: o governo de Jair Bolsonaro informou à ONU, nesta terça (8), que o país está se retirando do Pacto Global para a Migração.

Minha casa, minhas regras

Em seu Twitter, o presidente da República esclareceu: “O Brasil é soberano para decidir se aceita ou não migrantes. Quem porventura vier para cá deverá estar sujeito às nossas leis regras e costumes, bem como deverá cantar nosso hino e respeitar nossa cultura. Não é qualquer um que entra em nossa casa, nem será qualquer um que entrará no Brasil via pacto adotado por terceiros”.

Sua opinião

Para você que acaba de acordar do berço esplêndido, o Pacto Global para a Migração foi assinado pelo ex-presidente Michel Temer em dezembro e aprovado por mais de 150 países. Em pauta desde 2017, o documento era uma resposta internacional à crise migratória que atinge dezenas de países. Fique à vontade para comentar, bocejar ou fazer textão no Facebook.

Jair Bolsonaro em post veiculado por ele mesmo no Twitter: “Não é qualquer um que entra em nossa casa”…

Por: Beck

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS