Colômbia e Polônia estreiam; Rússia tenta garantir a classificação contra o Egito

YEKATERINBURG, RUSSIA - JUNE 15: Mohamed Salah of Egypt looks on during the natonal anthems prior to the 2018 FIFA World Cup Russia group A match between Egypt and Uruguay at Ekaterinburg Arena on June 15, 2018 in Yekaterinburg, Russia. (Photo by Matthias Hangst/Getty Images)

Seleções do Grupo H estreiam nessa terça-feira (19). Rússia pode garantir classificação antecipada diante o Egito, que pode contar com Salah

Três jogos serão realizados nessa terça-feira (19) pelo 6º dia de Copa do Mundo. O dia será marcado pelo encerramento da primeira rodada e o inicio da segunda.

Colômbia x Japão

Pela manhã, Colômbia e Japão se enfrentarão na Mordovia Arena, em Saransk. O técnico da Colômbia, José Pékerman, não confirmou o meia James Rodríguez. O jogador foi o artilheiro da Copa do Mundo disputada no Brasil, mas tem sofrido com o desgaste físico devido a temporada intensa no Bayer de Munique.

Já o time japonês sofreu um abalo devido ao terremoto de magnitude 6,1 assolou a cidade de Osaka no último domingo (17). O técnico Nishino chegou a afirmar que o incidente deixou os jogadores impactados. Por outro lado, o atacante Okazaki deve retornar ao time titular, após ter ficado de fora dos últimos treinos.

Polônia x Senegal

O polonês Robert Lewandowski vai fazer sua estreia em Copas do Mundo aos 29 anos, a partir das 12h no Spartak Stadium contra Senegal. O centroavante é o maior artilheiro da história da Polônia, foi responsável por 57% dos gols do time nas eliminatórias e colocou a seleção de volta ao Mundial 12 anos depois.

Já Senegal vai para a sua 2ª participação em Copas do Mundo. Na primeira vez, em 2002, o time chegou as quartas de final. O destaque da equipe é Sadio Mané, que fez boa temporada pelo Liverpool, chegando até a marcar gol na final da Liga dos Campeões.

Rússia x Egito

Por fim, a Rússia tenta embalar para conseguir a classificação antecipada para as oitavas de final. A goleada por 5 a 0 recuperou a confiança do time que não vencia desde outubro. O único desfalque para a partida contra o Egito é o meia Dzagoev, que se machucou na partida de abertura.

O Egito, por sua vez, precisa ganhar para seguir vivo na competição após a derrota para o Uruguai. A Federação Egípcia confirmou que o atacante Salah está pronto para estrear e verá ir a campo contra o time da casa.

Colaborou: Vinicius LIMA

 

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS