Chapecoense e Sport fazem confronto direto contra o rebaixamento

Chapecoense e Sport fazem confronto direto contra o rebaixamento

Nesta quinta-feira (22), a briga contra o rebaixamento no Brasileirão ganha mais um capítulo. Em jogo válido pela 36ª rodada do campeonato, Chapecoense e Sport fazem confronto direto para fugir do Z4, na Arena Condá, às 21h (de Brasília). A partida pode ser um divisor de águas para as equipes nessa reta final da competição. Uma vitória pode significar um passo para permanência na Série A. Já uma derrota pode colocar o time perdedor com um pé na Série B.

Chape aposta no fator casa

Jogando sob seus domínios, o time catarinense espera fazer valer o apoio do seu torcedor para sair dessa situação incômoda. A Chapecoense sempre soube usar a Arena Condá a seu favor e, neste Brasileirão, chegou a passar o primeiro turno inteiro sem perder em sua casa. Ao todo, são oito vitórias, cinco empates e quatro derrotas. O Verdão do Oeste ocupa a 18ª posição, com 37 pontos, e só depende de si para sair da zona de rebaixamento. Experiente, o atacante Wellington Paulista ressaltou a importância do confronto.

– Decisão. Não tem outro pensamento a não ser o de decisão. É o jogo da nossa vida, é o jogo que define a nossa permanência na primeira divisão. Então é pensar no jogo, focar no jogo e estar bem concentrado para buscar a vitória a todo o momento – disse o camisa 9.

O jogador da Chapecoense também lembrou que já passou por essa situação em outro clubes que atuou ao longo de sua carreira e disse que a concentração é fundamental para momentos como esse. Além disso, projetou um duelo difícil contra o Sport, visto que a equipe pernambucana também luta para permanecer na Série A.

– É um jogo decisivo não só pra nós, mas pro Sport também. Mas estamos dentro da nossa casa, com o apoio do nosso torcedor, com o coração batendo muito forte. Como diz o ditado: colocar o coração na ponta da chuteira pra que a gente busque a vitória em todos os momentos, porque é o que temos que fazer – completou Wellington Paulista.

A luta do Leão da Ilha pela permanência

Do outro lado do confronto decisivo, o Sport também busca se afastar da zona de rebaixamento e o jogo de hoje é crucial para conseguir o objetivo de ficar na primeira divisão. Isso porque, em caso de vitória, a equipe ficará quatro pontos acima do 17º colocado. O time rubro-negro está com 38 pontos e é o primeiro time fora do Z4. Para conseguir o resultado positivo, no entanto, o Leão precisa voltar a marcar gols no Brasileirão. Nas últimas três rodadas o ataque passou em branco e é um dos piores do campeonato, com 32 gols marcados. Assim como os catarinenses, os pernambucanos também tratam a partida como uma final.

– Estamos encarando esse jogo realmente como uma final, até porque depois teremos outro jogo fora de casa e é muito importante manter o Sport fora do Z4. São duas equipes que necessitam da vitória. A gente teve duas oportunidades nos últimos jogos em casa e acabou não acontecendo – disse o meia Michel Bastos.

DA REDAÇÃO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS